Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13059
Tipo do documento: Artigo
Título: Infestação de moscas-das-frutas em variedades de manga (Mangifera indica L.) no estado de Goiás
Título(s) alternativo(s): Infestation of fruit fly in varieties of mango in the state of Goiás
Autor: Ferreira, Hérica de Jesus
Veloso, Valquiria da Rocha Santos
Naves, Ronaldo Veloso
Braga Filho, Juracy Rocha
Resumo: A mangueira (Mangifera indica L.) é a principal espé-cie frutífera da família Anacardiaceae cultivada no Brasil. A expansão dessa cultura nos últimos anos, tanto para o consumo in natura como para a exportação, é limitada por diversas pragas, principalmente pelas moscas-das-frutas. No período de setem-bro de 1999 a fevereiro de 2000 foi estudado o nível de infestação natural de moscas-das-frutas em dez variedades de manga, em três municípios do Estado de Goiás. Foram obtidos 1.195 pupários, dos quais emergiram 484 adultos de Anastrepha (80%dos insetos identificados), 104 lonqueídeos (17,2 %) e 17 braconídeos (2,8%). Das fêmeas identificadas, 77,9% pertenciam ao gênero Anastrepha e 22,08%, a Neosilba. As espécies iden-tificadas foram: A. obliqua (48,78%), A. fraterculus (47,97%), A. sororcula (2,03%) e A. turpiniae (1,22%), referida pela primeira vez em frutos de manga no Estado. O parasitóide Doryctobracon areolatus foi encontrado em larvas/pupas de moscas-das-frutas, nas variedades Imperial e Tommy Atkins. As variedades com maiores índices de infestação foram Imperial (15,3 pupários/fruto e 73,611 pupários/kg de frutos), em Goiânia, e Tommy Atkins (7,0 pupários/fruto e 17,503 pupários/kg de frutos), no município de Orizona. Em Goiânia, a variedade Bourbon não foi infestada, e a Sabina apresentou um índice de infestação de 0,076 pupários/fruto e 0,363 pupários/ kg de frutos.
Abstract: Mango (Mangifera indica L.) production has expanded greatly in Brazil but several pests, especially fruit flies, have limited both fresh fruit consumption and exports. Insect surveys are important in insect ecology, biology and control. From September 1999 to February 2000, ten mango varieties were surveyed for insects and level of natural fruit infestation in three counties of Goias. A total of 1195 pupae were obtained. Of the total adults, 80% were Anastrepha (484), 17.2% Lonchaeidae (104) and 2.8%Braconidae (17). Females belonging to Anastrepha genus and Neosilba genus represented 70.3% and 29.7%, respectively. Four Anastrepha species were identified: A. obliqua (48.78%), A. fraterculus (47.97%), A. sororcula (2.03%) and A. turpiniae (1.22%); the latter species reported for the first time attacking mangoes in Goiás. Doryctobracon areolatus was obtained from Imperial and Tommy Atkins mango varieties and was described for the first time attacking mangoes in Goiás. Imperial and Tommy Atkins were the most susceptible varieties with the highest infestation levels (15.3 pupae/fruit and 7.0 pupae/fruit, respectively). Bourbon had no infestation and Sabina was slightly infested (0.363 pupae/fruit).
Palavras-chave: Insecta
Diptera
Tephritoidea
Avaliação de danos
Parasitóides
damage
Parasitoids
País: Brasil
Instituição: João Batista Duarte
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos - EAEA (RG)
Citação: FERREIRA, Hérica de Jesus; VELOSO, Valquiria da Rocha Santos; NAVES, Ronaldo Veloso; BRAGA FILHO, Juracy Rocha. Infestação de moscas-das-frutas em variedades de manga (Mangifera indica L.) no estado de Goiás. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 33, n. 1, p. 43-48, jan./jun. 2003. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/2399>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13059
Data de publicação: Jun-2003
Aparece nas coleções:EA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Hérica de Jesus Ferreira - 2003.pdf110 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons