Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13564
Tipo do documento: Artigo
Título: Pertencimento e identidade, territorialidade e fronteira entre os chiquitanos no Brasil e na Bolívia
Autor: Silva, Joana Aparecida Fernandes
Resumo: Pretende-se refletir, a partir da história do povo Chiquitano, originalmente um conjunto de mais de vinte etnias que foram aldeadas pelos jesuítas na missão de Chiquitos, elementos de sua identidade e etnicidade contemporâneas. A proposta que se apresenta é a de entender como se situam atualmente as identidades, relacionadas com as territorialidades experienciadas na Bolívia e no Brasil, uma vez que este povo está atualmente cindido parcialmente pelo fato de terem sido fracionados em duas partes a partir da divisão dos estados nacionais. O fato de viverem em um ou outro país provoca diferentes experiências e proposições identitárias; no entanto, até a década de 1980, a fronteira entre os dois países, ainda não totalmente institucionalizada, permitia um trânsito de um para outro lado, mas para além disso, permitia relações sociais e manutenção de redes de parentesco. Como se desenham as identidades atualmente, na diversidade territorial e histórica? Como estão desenhadas as territorialidades dos Chiquitanos na Bolívia e no Brasil se as políticas indigenistas são distintas? Como ocorrem as autoidentificações, sendo que há distintos conceitos para “índios” – aqui, povos indígenas e, na Bolívia, “campesino” ou “pueblos originales”? De que maneira o reconhecimento oficial da etnicidade dos Chiquitanos no Brasil trouxe novos elementos suscitadores de conflitos? Estas são questões que se pretende responder neste artigo.
Abstract: It is intended to reflect, from the history of the people Chiquitano, originally a set of more than twenty ethnic groups that were aldeadas by Jesuits in the Chiquitos mission, elements of contemporary identity and ethnicity. The proposal presented is to understand how identities are situated today relating to the territoritalities experienced in Bolivia and Brazil, since these people are currently split because the division of national states. The fact that they live in one country or in another causes different experiences and propositions of identity. However, until the 1980s the frontier between the two countries was not yet fully institutionalized, and it was possible a transit to and fro, and this freedom allowed maintenance of social relations and kinship networks. How are the identities currently in territorial diversity and historical? How they configure their territoritalities Chiquitanos in Bolivia and Brazil if the indigenous policies are different? How the self-identifications occur if there are different concepts for "Indians" - here and Bolivia indigenous "peasant" or "pueblos originales"? How the official recognition of ethnicity in Brazil Chiquitanos brought new elements that caused conflicts? These are questions we intend to answer in this paper.
Palavras-chave: Identidade
Nacionalidade
Fronteira
Chiquitanos
Identity
Nacionality
Frontier
Chiquitanos
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de História - FH (RG)
Citação: SILVA, Joana Aparecida Fernandes. Pertencimento e identidade, territorialidade e fronteira entre os chiquitanos no Brasil e na Bolívia. Espaço Ameríndio, Porto Alegre, v. 6, n. 1, p. 119-137, jan./jun. 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.22456/1982-6524.29638
Identificador do documento: 10.22456/1982-6524.29638
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13564
Data de publicação: Jun-2012
Aparece nas coleções:FH - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Joana Aparecida Fernandes Silva - 2012.pdf534,46 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons