Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13883
Tipo do documento: Artigo
Título: Ativos ambientais do bioma cerrado: uma análise da cobertura vegetal nativa e sua relação com o preço da terra no estado Goiás
Autor: Ferreira, Manuel Eduardo
Miziara, Fausto
Ferreira Júnior, Laerte Guimarães
Ribeiro, Francis Lee
Ferreira, Nilson Clementino
Resumo: Nos últimos anos, a região de savanas no Brasil, também conhecida como Cerrado, passou a ser considerada como um dos biomas mais ameaçados no mundo no que diz respeito à biodiversidade, com cerca de 40% de sua área original desmatadas. Em fato, esta região representa um importante pilar para a economia nacional, em grande parte devido à intensa produção agrícola gerada em seus domínios fisiográficos. Na necessidade, ainda que tardia, de se compreender este bioma em seus aspectos ecológicos e econômicos, este artigo versa sobre a eventual interdependência entre a valoração econômica, por meio das categorias de preços de terras, com o ativo ambiental cobertura vegetal nativa. Em particular, avaliamos as variáveis intensidade de pobreza, preços de terras e remanescentes de Cerrado em escala municipal para o Estado de Goiás (área core do Cerrado). Dentre os principais resultados, constatou-se uma dependência, ainda que tênue, entre a cobertura vegetal remanescente com tais categorias de preços, com destaque para a Pastagem de Alto Suporte (r2 de 0,30). Especificamente em relação ao índice social intensidade de pobreza (o qual influi diretamente sobre a conservação ambiental), os resultados indicam uma tendência de elevação da pobreza nas áreas do estado com maior proporção de Cerrado nativo (r2 de 0,38). Da mesma forma, a pobreza parece estar mais atrelada às localidades com preços de terras mais baixos, sobretudo nas regiões com ofertas para a categoria Pastagens de Baixo Suporte (r2 de 0,24).
Abstract: threatened biomes in the world regarding the biodiversity, with about 40% of its original area already converted. In fact, this region represents an important role in the national economy, largely due to the intensive agricultural production generated within its physiographic domains. In order to understand, even late, this biome with respect to its ecological and economic aspects, we propose in this paper to assess the eventual interdependence between economic valuation, through the categories of land prices, and the environmental asset native vegetation cover. In particular, we investigated the relationship between poverty intensity, land prices, and the remnant vegetation cover at municipality level for the state of Goiás (core Cerrado area). Among the main results, it was verified the existence of a subtle dependence between remnants vegetation cover and such land price categories, with emphasis to the High Support Pasture category (r2 of 0.30). In relation to the poverty intensity index (which directly influences the environment conservation), the results suggest an increasing trend between poverty and the Cerrado remnants (r2 of 0.38). Poverty also seems to be more preeminent in locations with lower land prices, especially in regions with availability of the Low Support Pastures category (r2 of 0.24).
Palavras-chave: Bioma cerrado
Valor da terra
Economia ambiental
Cobertura vegetal nativa
Intensidade de pobreza
Biome cerrado
Land prices
Environmental economy
Remnant vegetation cover
Poverty intensity
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de Ciências Sociais - FCS (RG)
Citação: FERREIRA, Manuel Eduardo; MIZIARA, Fausto; FERREIRA JÚNIOR, Laerte Guimarães; RIBEIRO, Frances Lee; FERREIRA, Nilson Clementino. Ativos ambientais do bioma cerrado: uma análise da cobertura vegetal nativa e sua relação com o preço da terra no estado Goiás. Revista Brasileira de Cartografia, Rio de Janeiro, v. 61, n. 1, p. 37-50, abr. 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13883
Data de publicação: Abr-2009
Aparece nas coleções:FCS - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Manuel Eduardo Ferreira - 2009.pdf1,16 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons