Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13913
Tipo do documento: Artigo
Título: Híbridos de tomateiro industrial cultivados em ambiente protegido e campo aberto
Título(s) alternativo(s): Processing tomato hybrids cultivation in protected environment and in open field
Autor: Seleguini, Alexsander
Seno, Shizuo
Faria Júnior, Max José de Araújo
Resumo: Estudaram-se o desempenho produtivo e a qualidade de frutos de cinco híbridos de tomate industrial (‘AP 529’, ‘AP 533’, ‘Malinta’, ‘Heinz 9992’ e ‘Rio Brazil’) no cultivo em ambiente protegido e campo aberto, visando à produção para mercado de mesa. O experimento foi conduzido de março a agosto de 2004, na Fazenda de Ensino, Pesquisa e Extensão da Unesp, câmpus de Ilha Solteira. Verificou- se que, em ambiente protegido, foram maiores a sobrevivência e o número de frutos médios, pequenos e totais produzidos por área. A produtividade total não diferiu entre os ambientes de cultivo; entretanto, o cultivo em campo apresentou maior produção de frutos graúdos, além de frutos com -1 maior massa média. Em relação aos híbridos, a produtividade variou de 80,6 a 101,8 t ha , -1 destacando-se os híbridos AP 529 e AP 533, com rendimentos acima de 97,0 t ha . Verificou-se que, tanto para locais como para híbridos, os valores de pH, acidez titulável, sólidos solúveis e relação sólidos solúveis/acidez ficaram dentro dos padrões para o consumo in natura. Os híbridos de tomate industrial AP 533 e AP 529 apresentaram-se como mais aptos para produção de frutos para mesa, tanto cultivados no campo como em ambiente protegido.
Abstract: Yield capacity and fruit quality of five processing tomato hybrids (‘AP 529’, ‘AP 533’, ‘Malinta’, ‘Heinz 9992’, and ‘Rio Brazil’), cultivated in protected environment and in open field, for fresh fruit market, were studied. The experiment was conducted from March to August of 2004, on the Teaching, Research and Extension Farm of the University of the State of São Paulo (UNESP), Campus of Ilha Solteira, state of São Paulo, Brazil. It was observed a longer period of plant survival, as well as a greater number of fruits per unit of area, in particular for that classified as medium and small size, in protected environment cultivation. Total yield was not significantly different when both conditions were compared, but the open field cultivation conducted to greater yield of fruits of large size class and fruits with heavier fresh weight. In relation to the hybrids, the yields varied from 80.6 to 101.8 metric -1 ton ha , the best performances shown by ‘AP 529’ and ‘AP 533’, which reached yields above 97.0 -1 metric ton.ha . It was also verified that both for environments and hybrids the determined values of pH, quantifiable acidity, total soluble solids (TSS) content and ratio were within standard values for fruits to be consumed in natura. The tomato hybrids AP 533 and AP 529 were more apt for fresh fruit market production cultivated either in open field or in protected environment.
Palavras-chave: Lycopersicon esculentum Mill
Cultivo protegido
Qualidade de frutos
Sistema de condução
Lycopersicon esculentum Mill
Fruit quality
Protected cultivation
Cultivation system
País: Brasil
Unidade acadêmica: Escola de Agronomia e de Engenharia de Alimentos - EAEA (RG)
Citação: SELEGUINI, Alexsander; SENO, Shizuo; FARIA JÚNIOR, Max José de Araújo. Híbridos de tomateiro industrial cultivados em ambiente protegido e campo aberto. Científica, Jaboticabal, v. 35, n. 1, p. 80-87, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.15361/1984-5529.2007v35n1p80+-+87
Identificador do documento: 10.15361/1984-5529.2007v35n1p80+-+87
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13913
Data de publicação: 2007
Aparece nas coleções:EA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Alexsander Seleguini - 2007.pdf96,7 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons