Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14079
Tipo do documento: Artigo
Título: Propriedades físicas e químicas de grãos de feijões crioulos vermelhos
Título(s) alternativo(s): Physical and chemical properties of red beans grains
Autor: Soares Júnior, Manoel Soares
Caliari, Márcio
Becker, Fernanda Salamoni
Souza, Eli Regina Barboza de
Vera, Rosângela
Resumo: Sementes crioulas devem ser estudadas e valorizadas, pois podem contribuir para a melhoria de aspectos produtivos, comerciais e da alimentação de agricultores familiares, bem como a programas de melho- ramento genético. O presente trabalho objetivou comparar as características físicas (cor e dimensões) e a com- posição centesimal do grão in natura de cinco genótipos de feijões crioulos vermelhos, cultivados em sistema orgânico na fazenda Nossa Senhora Aparecida, em Hidrolândia (GO), Brasil. Foi empregado delineamento inteiramente ao acaso com 5 tratamentos e 4 repetições. Para a determinação das dimensões (comprimento, altura e largura) foi utilizado um paquímetro, colorímetro Color Quest II Sphere para os parâmetros instrumen- tais de cor (L*, a* e b*), e os métodos recomendados pela Association of Official Analytical Chemists para a composição centesimal. O feijão Safira apresentou o maior comprimento e largura (13,89 e 7,59 mm, respecti- vamente), além de maior luminosidade (42,38), menor tom avermelhado (3,53) e menores teores de cinzas e fibra (3,59 e 12,05 g 100g -1 , respectivamente). O feijão Bolinha Vermelha foi o que apresentou as menores dimensões (9,1 x 4,3 x 5,7 mm), enquanto que o feijão Jalo Roxo o menor teor de proteína (16,61 g 100g -1 ) e o menor teor de cinzas (3,91 g 100g -1 ). E o feijão Vermelho Rajado obteve os maiores teores de proteína e fibra (18,83 e 16,45 g 100g -1 , respectivamente). Todos os feijões crioulos se adaptaram ao sistema de produção orgâ- nica. Entre os genótipos avaliados, o feijão Safira se destacou por possuir maiores dimensões e cor mais clara, os feijões Vermelho Rajado e Bolinha Vermelha pelo maior teor de proteína, o feijão Jalo Roxo pelos maiores teores de cinzas e extrato etéreo e o Vermelho Rajado pelo maior teor de fibras.
Abstract: Native seeds should be studied and appreciated as they can contribute to the improvement of production, trade and supply aspects of family farmers, and breeding programs. The aim of the current study was to compare the physical characteristics (color and size) and the chemical composition of the grain in natura five genotypes creole red beans, grown in organic system, on the Nossa Senhora Aparecida farm, in Hi- drolândia-GO, Brazil. Completely randomized design with five treatments and four replications was employed. Caliper was used to determine the dimensions (length, height and width), Sphere II colorimeter ColorQuest to the instrumental color parameters (L*, a* e b*), and methods recommended by Association of Official Analyti- cal Chemists to the chemical composition. The Safira beans showed the greatest length and width (13.89 and 7.59 mm, respectively), in addition to greater luminosity (42.38), less reddish (3.53) and lower levels of ash and crude fiber (3.59 and 12.05 g 100 g -1 , respectively). The beans Bolinha Vermelha showed the lowest di- mensions (9.1 x 4.3 x 5.7 mm), while the Vermelho Rajado beans showed lower protein (16.61 g 100 g -1 ) and higher ash (3.91 g 100 g -1 ). The bean Vermelho Rajado received the greatest levels of protein and crude fiber (18.83 and 16.45 g 100 g -1 , respectively). All creole beans adapted to organic production system. Among the genotypes, beans Safira stood out for having larger and lighter in color, the beans Vermelho Rajado and Bolin- ha Vermelha dot by higher protein, beans Bolinha Vermelha by higher contents of ash and ether extract, and Vermelho Rajado the higher fiber content.
Palavras-chave: Composição centesimal
Propriedades físico- químicas
Cor
Dimensões
Phaseolus vulgaris L.
Proximate composition
Color
Dimensions
Phaseolus vulgaris L.
Physico-chemical properties
País: Brasil
Unidade acadêmica: Escola de Agronomia - EA (RG)
Citação: SOARES JÚNIOR, Manoel Soares; CALIARI, Márcio; BECKER, Fernanda Salamoni; SOUZA, Eli Regina Barboza de; VERA, Rosângela. Propriedades físicas e químicas de grãos de feijões crioulos vermelhos. Revista Caatinga, Mossoró, v. 28, n. 1, p. 263-269, jan./mar. 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14079
Data de publicação: Mar-2015
Aparece nas coleções:EA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Manoel Soares Soares Júnior - 2015.pdf463,33 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons