Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14294
Tipo do documento: Artigo
Título: Morfometria de sistemas lacustres da planície aluvial do médio rio Araguaia
Título(s) alternativo(s): Morphometry of lacustrine systems in the middle alluvial plain of the Araguaia River
Autor: Morais, Roberto Prado de
Oliveira, Leandro Gonçalves
Latrubesse, Edgardo Manuel
Pinheiro, Rúbia Christina Diógenes
Resumo: O objetivo deste trabalho foi o de identificar e o de classificar os sistemas lacustres da planície aluvial do rio Araguaia entre as cidades de Aruanã, Estado de Goiás e de Luiz Alves, Estado de Goiás. Nesse trecho, a planície do Araguaia tem cerca de 256 km de extensão, na qual foram quantificados 293 lagos de 10 categorias: lagos de canal abandonado, canal abandonado encadeado, oxbow, oxbow colmatados, oxbow composto, espira de meandro, espira de meandro composta, diques marginais, vale bloqueado e lagos de acrescão lateral. O objetivo específico foi o de realizar uma análise de parâmetros morfométricos de 20 lagos da planície do médio Araguaia, comparando duas estações sazonais (seca e cheia). Os parâmetros morfométricos analisados foram os seguintes: área, perímetro, profundidade, largura e comprimento máximo, desenvolvimento de perímetro, índice de forma e determinação da largura da boca dos lagos (conectividade). Os parâmetros morfométricos foram calculados, utilizando as imagens de satélite Landsat TM e o sistema de informação geográfica (SIG) SPRING. A variação dos parâmetros morfométricos variou significativamente entre os períodos de seca e de cheia (área: 0,03 - 2,77 km2 na seca para 0,04 - 8,38 km2 na cheia). A profundidade máxima: 0,3 m – 4,55 m na seca para 2,7 – 7,75 na cheia. Cerca de 65% dos lagos apresentam Dp > 4 – isso porque a tendência geral dos lagos é ter uma tendência alongada.
Abstract: The aim of this study was to identify and classify the lake systems of the Araguaia River floodplain. The study area extends from Aruana, State of Goiás, to Luiz Alves, State of Goiás, along 256 km. A total of 293 lakes were identified and grouped in ten categories: abandoned channel lakes, linked abandoned channels, oxbow, filled oxbows, and composite oxbows, lakes formed on meander scrolls, composite lakes on scrolled floodplain, lakes formed by lateral accretion, blocked valleys and embankment lakes. The main objective was to characterize morphometric parameters for 20 lakes in the middle plain of the Araguaia River and compare the different values between high and low river stages. Area, perimeter, depth, length and maximum width, and shoreline development were obtained using satellite Landsat 5 TM and 7 ETM+ images and a SPRING Geographic Information System. The variability of morphometric parameters during flood and low river stages changed significantly. Approximately 65% of the lakes showed shoreline development (Dp) > 4 because of the general lakes tendency to have an elongated shape.
Palavras-chave: Rio Araguaia
Lagos de planície
Morfometria
Sensoriamento remoto
Araguaia River
Alluvial plain lakes
Morphometry
Remote sensing
País: Brasil
Unidade acadêmica: Instituto de Ciências Biológicas - ICB (RG)
Citação: MORAIS, Roberto Prado de; OLIVEIRA, Leandro Gonçalves; LATRUBESSE, Edgardo Manuel; PINHEIRO, Rúbia Christina Diógenes. Morfometria de sistemas lacustres da planície aluvial do médio rio Araguaia. Acta Scientiarum. Biological Sciences, Maringá, v. 27, n. 3, p. 203-213, jul./ set. 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.4025/actascibiolsci.v27i3.1317
Identificador do documento: 10.4025/actascibiolsci.v27i3.1317
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14294
Data de publicação: Set-2005
Aparece nas coleções:ICB - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Roberto Prado de Morais - 2005.pdf350,01 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons