Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14600
Tipo do documento: Artigo
Título: Colonial american literature: marvelous wonders and the medieval tradition in luso-brazilian historiographical chronicles
Autor: Fonseca, Pedro
Resumo: Este artigo apresenta uma analise interpretativa de certos aspectos do imaginário literário medieval e sua influência na formação tropológica das crônicas do Novo Mundo. A abordagem examina algumas das motivações estéticas e mentais da tradição medieval no discurso historiográfico luso-brasileiro colonial. principalmente em relação a alguns relatos de descobrimentos e ocupação inicial de terras brasileiras na América.
Abstract: This article presents an interpretative analysis of certain aspecls of lhe medieval literary imaginary and its influence in the tropological formation of lhe New World chronicles. The approach examines some of lhe aesthetic and mental molivations of lhe medieval tradition in the colonial Luso-Brazilian historiographical discoursc. principally in regais to some accounts of discoveries and initial occupalion of Brazilian lands in America.
País: Brasil
Instituição: Mary Fátima de Lacerda Mendonça
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Letras - FL (RG)
Citação: FONSECA, Pedro. Colonial american literature: marvelous wonders and the medieval tradition in luso-brazilian historiographical chronicles. Signótica, Goiânia, v. 8, n. 1, p. 105-124, Jan./Dec. 1996. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/sig/article/view/7361/5229>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5216/sig.v8i1.7361
Identificador do documento: 10.5216/sig.v8i1.7361
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14600
Data de publicação: Dez-1996
Aparece nas coleções:FL - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Pedro Fonseca - 1996.pdf2,66 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons