Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14639
Tipo do documento: Artigo
Título: Retórica e política sexual na conquista da América: tropologias do discurso do gênero
Autor: Fonseca, Pedro Carlos
Resumo: O presente estudo examina, através da perspectiva da crítica feminista, aspectos da representação da imagem feminina e do seu processo tropológico de feminilização que, característicos do discurso europeu patriarcal, encontram-se estrategicamente presentes no discurso dos primeiros textos que registram as experiências da descoberta e conquista da América. O estudo pretende ainda evidenciar que, nesse tipo de discurso da representação americana, figuralizações e a manipulação de uma forjada imagem do outro sexual ameríndio baseiam-se em construções simbólicas e ideológicas que, de forma argumentativa e retórica, visaram à preservação de uma política sexual. Tais formações correspondem ainda a um complexo sociocultural e histórico que objetiva, finalmente, o prevalecimento de prerrogativas filosóficas e pragmáticas de uma hegemonia androcêntrica característica da mentalidade do europeu dominante que, constantes da sua tradição civilizacional, disseminam-se nos tempos modernos.
Abstract: Through the perspective of feminist criticism, this study examines some aspects of the representation of the feminine image as well as its tropological process of feminilization. Being this phenomenon characteristic of the European patriarcal discourse, it is strategically found in the first texts that registered the discovery and conquest of America. The study still aims to make clear that, in that type of discourse representing the American reality, some figuralities and the manipulation of a forged image of the Amerindian, as the sexual other, were based on simbolic and ideological constructions which in an argumentative and rhetorical manner aimed to preserve a sexual politics. Such formations came to correspond to a socio-cultural and historical complex which, finally, had as its goal to mantain philosophical and pragmatic prerrogatives of the androcentric hegemony characteristic of the dominat European male mentality. Forming a part of his civilizational tradition, this mentality was disseminated also in the modern times.
Palavras-chave: Descobrimento e conquista
Discurso do gênero
Retórica e política sexual
Discovery and conquest
Gender discourse
Rhetoric and sexual politics
País: Brasil
Instituição: Goiandira de Fátima Ortiz de Camargo
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Letras - FL (RG)
Citação: FONSECA, Pedro Carlos. Retórica e política sexual na conquista da América: tropologias do discurso do gênero. Signótica, Goiânia, v. 14, n. 1, p. 115-128, jan./dez. 2002. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/sig/article/view/7309/5175>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5216/sig.v14i1.7309
Identificador do documento: 10.5216/sig.v14i1.7309
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14639
Data de publicação: Dez-2002
Aparece nas coleções:FL - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Pedro Carlos Fonseca - 2002.pdf121,68 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons