Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14749
Tipo do documento: TCC
Título: Análise da relação entre a variação do valor justo dos ativos biológicos e a concentração de propriedade das empresas brasileiras
Autor: Ferreira, Whilnágillio Santos
Primeiro orientador: Rech, Ilírio José
Primeiro membro da banca: Rech, Ilírio José
Carmo, Carlos Henrique Silva do
Machado, Camila Araújo
Resumo: Esta pesquisa tem por objetivo analisar se existe relação entre a Variação do valor justo dos ativos biológicos e o grau de concentração de propriedade acionária das companhias do Agronegócio. A amostra do estudo foi composta por 24 empresas brasileiras de capital aberto que exploraram ativos biológicos, nos anos de 2010 a 2016. A variável dependente foi a Variação do valor justo dos ativos biológicos, sendo obtida das Notas explicativas e da Demonstração do Resultado do Exercício. A variável de concentração de propriedade acionária foi a participação acionária da Soma dos dez primeiros acionistas, as outras variáveis de controle foram Representatividade dos Ativos Biológicos em relação ao Ativo Total, Retorno sobre o patrimônio líquido, Grau de endividamento e o Tamanho da empresa. Foram verificados que a concentração de propriedade acionária em algumas empresas passou de 90,00%, que foi o caso das empresas Celulose Irani (90,70%), Wembley (95,90%) e Suzano Holding (98,90%). Dentre os modelos de regressão para dados em painel, o modelo mais adequado para as duas equações formulada foi o POLS. Como resultado, verificou-se uma relação negativa entre a Soma da participação acionária dos dez primeiros acionistas e a Variação do valor justo dos ativos biológicos. Portanto, devido à grande subjetividade da avaliação dos ativos biológicos pelo método do valor justo, os acionistas controladores e majoritários dessas empresas podem estar manipulando os resultados para atingir seus objetivos.
Palavras-chave: Variação do valor justo dos ativos biológicos
Concentração de propriedade acionária e gerenciamento de resultados
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econõmicas - FACE (RG)
Nome do curso: Ciências Contábeis (RG)
Citação: FERREIRA, Whilnágillio Santos. Análise da relação entre a variação do valor justo dos ativos biológicos e a concentração de propriedade das empresas brasileiras. 2017. 26 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14749
Data de publicação: 8-Dez-2017
Aparece nas coleções:FACE - Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCCG - Ciências Contábeis - Whilnágillio Santos Ferreira - 2017.pdf1,23 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.