Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/1482
Tipo do documento: Article
Título: Hibridismo intergêneros em “Suíte do couro ou louvação do couro” de Gerardo Mello Mourão
Título(s) alternativo(s): Intergenres hybridism in “Suíte do couro ou louvacão do couro” by Gerardo Mello Mourao
Autor: Silva, Caroline Tavares da
Souza, Jamesson Buarque de
Resumo: Este artigo trata do hibridismo intergêneros, considerando o poema “Suíte do couro ou louvação do couro”, de Gerardo Mello Mourão. A investigação desenvolvida mostrou que o poema destacado apresenta consubstanciação entre o gênero épico e o lírico. Levando isso em conta, discutimos que a hibridização não é considerada como a justaposição ou aglutinação de gêneros, mas como a presença de “um-no-outro-no-um”, que forma algo novo.
Abstract: This paper studies the hybridism inter-genre in the poem Suite do couro ou louvação do couro (The leather’s suite or the leather’s laudation), by Gerardo Mello Mourao. The study shows that this poem presents the epic and the lyric genres’s consubstantiation. In this point we showed that the hybridism isn’t considered as the genres’s juxtaposition or agglutination, but as the presence of “one-in-the-other-in-the-one”, which creates something new.
Palavras-chave: Hibridismo intergêneros
Estilo épico
Estilo lírico
Gerardo Mello Mourão
Instituição: Heloísa Augusta Brito de Mello
Citação: SILVA, C. T. da; SOUZA, J. B. de. Hibridismo intergêneros em “Suíte do couro ou louvação do couro” de Gerardo Mello Mourão. Signótica, Goiânia, GO, v. 23, n.1, 2011. Disponível em: <http://www.revistas.ufg.br/index.php/sig/article/view/16144/10352>.
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/1482
Data de publicação: 30-Jun-2011
Aparece nas coleções:FL - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
16144-70249-1-PB.pdf715,08 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.