Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15474
Tipo do documento: Artigo
Título: Comprometimento organizacional de trabalhadores da vigilância sanitária em municípios do estado de Goiás
Título(s) alternativo(s): Organizational commitment of health surveillance workers in municipalities of the state of Goiás, Brazil
Compromiso organizacional de los trabajadores de la vigilancia sanitaria en municipios del estado de Goiás, Brasil
Autor: Melo, Maria Aparecida de Souza
Bezerra, José Clecildo Barreto
Coleta, Marília Ferreira Dela
Puente-Palacios, Katia Elizabeth
Coleta, José Augusto Dela
Bezerra, Ana Lúcia Queiroz
Resumo: Trata-se de estudo de campo, com aborda- gem quantitativa, sobre o nível de comprometimento organizacional de fiscais da vigilância sanitária mu- nicipal. Foram analisadas possíveis diferenças entre os grupos amostrais, divididos de acordo com suas características sociodemográficas. Participaram do es- tudo 335 fiscais de 53 municípios de Goiás, que res- ponderam à Escala de Bases do Comprometimento Organizacional em 2011. A escala aborda sete dife- rentes tipos de vínculo que os trabalhadores têm em relação à instituição onde trabalham, além de dados pessoais e profissionais. As análises realizadas foram: descritivas, de variância e testes qui-quadrado. En- controu-se alto comprometimento afetivo e alto senti- mento de obrigação pelo desempenho no trabalho, baixos níveis nos sentimentos de afiliação e de obri- gação em permanecer trabalhando na vigilância sani- tária municipal, bem como diferenças entre grupos quando levadas em conta as características indivi- duais e profissionais. Os gestores públicos da área de- vem atentar para a importância dos recursos humanos no desenvolvimento das políticas públicas e priorizar ações que resultem em níveis elevados de comprome- timento desses profissionais.
Abstract: This is a field study, with a quantitative approach, on the level of organizational commitment among municipal health surveillance inspectors. An analysis was made of possible differences between the sample groups, which were divided according to their sociodemographic characteristics. The study inclu- ded 335 inspectors from 53 Goiás, Brazil, municipali- ties, who responded to the 2011 Organizational Com- mitment Scale Bases. The scale covers seven different types of ties that employees have with the institutions they work for, as well as personal and professional data. The analyses were descriptive, variance, and chi-square tests. Noted were a high affective commit- ment and high sense of obligation for job perfor- mance, low feelings of affiliation and obligation to continue working in municipal health surveillance, in addition to differences between groups when the individual and professional characteristics were taken into account. The area's public managers should pay attention to the importance of human resources in the development of public policies and prioritize actions that result in high levels of commitment among these professionals.
Palavras-chave: Vigilância sanitária
Serviços de saúde
Comprometimento organizacional
Recursos humanos em saúde
Health surveillance
Health services
Organizational commitment
Human resources in health
País: Brasil
Unidade acadêmica: Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Citação: MELO, Maria Aparecida de Souza; BEZERRA, José Clecildo Barreto; COLETA, Marília Ferreira Dela; PUENTE-PALACIOS, Katia Elizabeth; COLETA, José Augusto Dela; BEZERRA, Ana Lúcia Queiroz. Comprometimento organizacional de trabalhadores da vigilância sanitária em municípios do estado de Goiás. Trabalho, Educação e Saúde, Rio de Janeiro, v. 12, n. 3, p. 655-677, set./dez. 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/1981-7746-sip00018
Identificador do documento: 10.1590/1981-7746-sip00018
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15474
Data de publicação: Dez-2014
Aparece nas coleções:IPTSP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Maria Aparecida de Souza Melo - 2014.pdf262,45 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons