Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15568
Tipo do documento: Artigo
Título: Cryptococcus neoformans isolados de pacientes com AIDS
Título(s) alternativo(s): Cryptocococcus neoformans in patients with AIDS
Autor: Fernandes, Orionalda Fatima Lisboa
Costa, Theo Rodrigues
Costa, Marcio Rodrigues
Soares, Ailton José
Pereira, Ana J. S. C.
Silva, Maria do Rosário Rodrigues
Resumo: Criptococose é considerada a infecção fúngica sistêmica oportunista mais comum em pacientes com AIDS. Nestes pacientes tem predominado como agente etiológico Cryptococcus neoformans var. neoformans, e muito raramente relata-se C. neoformans var. gattiii, mesmo nas regiões onde se verifica a sua prevalência. Foram estudados 50 pacientes com lesões de criptococose meningoencefálica associada com AIDS. Os isolados foram identificados através de características microscópicas e macroscópicas exibidas em meios de ágar Sabouraud, ágar niger e Christensen. As variedades de C. neoformans foram determinadas pela reação de coloração obtida em meio de L-canavanina glicina-azul de bromotimol (CGB). Em todos os pacientes examinados foram isolados C. neoformans, sendo identificados C. neoformans var. neoformans em 47 isolados e C. neoformans var. gattii em 3. Os resultados encontrados mostram que a criptococose em pacientes com AIDS pode também ser causada por C. neoformans var. gatti, apesar de haver predominância de C. neoformans var neoformans nesta população.
Abstract: Cryptococcosis is considered the most frequent fungal systemic opportunist infection in patients with AIDS. C. neoformans var. neoformans infects the patients with AIDS more often than C. neoformans var. gattii which has been rarely isolated from patients with AIDS. Even in endemic regions of C. neoformans var. gattii, the variety of neoformans is still the most common agent diagnosed in cryptococcosis of patients with AIDS. Cerebrospinal fluid (CSF) from fifty patients with neurocryptococcosis associated with AIDS were studied. The fungi were isolated in agar Sabouraud medium, and were identified by microscopic and macroscopic examination by agar Sabouraud, agar niger and Christensen’s urea medium. The variety was determined based on a color characteristic reaction on glycine-L-canavanina-bromothymol blue agar. From all of the fifty patients’ cerebrospinal fluid (CSF) we were able to recover C. neoformans. The isolates were identified as C. neoformans var. neoformans in 47 patients and as C. neoformans var. gattii. in the 3 remaining patients. These findings suggest that both varieties, gattii and neoformans, are agents of neurocryptococcosis in patients with AIDS.
Palavras-chave: Criptococose
Cryptococcus neoformans
AIDS
Cryptococosis
País: Brasil
Unidade acadêmica: Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Citação: FERNANDES, Orionalda de F. L.; COSTA, Théo R.; COSTA, Márcio R.; SOARES, Ailton J.; PEREIRA, Ana J. S. C.; SILVA, Maria do Rosário R. Cryptococcus neoformans isolados de pacientes com AIDS. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, Uberaba, v. 33, n. 1, p. 75-78, jan./fev. 2000.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0037-86822000000100011
Identificador do documento: 10.1590/S0037-86822000000100011
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15568
Data de publicação: Fev-2000
Aparece nas coleções:IPTSP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Orionalda Fatima Lisboa Fernandes - 2000.pdf75,08 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons