Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15618
Tipo do documento: Artigo
Título: Avaliação da adoção das medidas de precauções padrão em categorias específicas de profissionais de saúde
Autor: Pereira, Tatiane M.
Castro, Kézia F.
Santos, Tatiana O.
Prado, Marinésia Aparecida do
Junqueira, Ana Luiza Neto
Barbosa, Maria Alves
Teles, Sheila Araújo
Resumo: Uma pesquisa em profissionais da área da saúde que provavelmente tem intensa e freqüente exposição a sangue e outros fluídos orgânicos (anestesiologistas) foi conduzida para avaliar a freqüência de relatos de exposição ocupacional a sangue e/ou outros fluídos orgânicos e o conhecimento e aderência destes profissionais as medidas de precauções padrão. De todos os profissionais entrevistados, 62,8% relataram acidentes ocupacionais com sangue e/ou outros fluídos orgânicos, seja através de lesão percutânea e/ou contato em membrana mucosa, todos relataram conhecimento acerca das medidas de precauções padrão e a maioria referirou a adoção de tais medidas e vacinação contra hepatite B. No entanto, observou-se na prática desses profissionais uma pobre aderência às medidas de precaução, principalmente, em relação ao uso de máscaras, óculos protetores e lavagem das mãos. Esse estudo enfatiza a importância do desenvolvimento de novas estratégias para o treinamento em precauções padrão.
Abstract: A survey of health care workers who were thought likely have frequent and intensive exposures to blood and other body fluids, anaesthetists, was carried out to asses the frequency of self-reported occupational exposures to blood and other body fluids, the knowledge and the compliance with regard standard precautions. Of all interviewed profissionals, 62.8% reported occupational exposures to blood and/or other body fluids by percutaneous injuries and/or mucous membranes contacts. All profissionals reported knowledge about standard precautions and the most of them assumed the use of these precautions, and hepatitis B vaccination. Nevertheless was observed a poor adherence to standard precautions in their practices, principally, concerning the use of masks, protective eyeglasses and handwashings. This study emphasizes the importance of developing new strategies for precautions standards training.
País: Brasil
Instituição: Joaquim Tomé de Sousa
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Citação: PEREIRA, Tatiane M.; CASTRO, Kézia F.; SANTOS, Tatiana O.; PRADO, Marinésia Aparecida do; JUNQUEIRA, Ana Luisa Neto; BARBOSA, Maria Alves; TELES, Sheila Araújo. Avaliação da adoção das medidas de precauções padrão em categorias específicas de profissionais de saúde. Revista Eletrônica de Enfermagem. Goiânia, v. 1, n. 1, out./dez. 1999. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/fen/article/view/665/737>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15618
Data de publicação: Dez-1999
Aparece nas coleções:FEN - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Tatiane M. Pereira - 1999.pdf358,95 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons