Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15802
Tipo do documento: Artigo
Título: Descrição das lesões microscópicas das pregas vestibulares de adultos autopsiados e sua relação com as causas de óbito e doença de base
Título(s) alternativo(s): Microscopic description of vestibular fold lesions of autopsied adults and its relationship with the disease and cause of death
Autor: Silva, Renata Calciolari Rossi e
Salge, Ana Karina Marques
Corrêa, Rosana Rosa Miranda
Teixeira, Vicente de Paula Antunes
Reis, Marlene Antônia dos
Castro, Eumenia Costa da Cunha
Resumo: Com o aumento dos métodos invasivos que são utilizados para o diagnóstico de doenças do trato respiratório é de se esperar que as alterações das pregas vestibulares (PV) sejam mais freqüentes. Além disso, recentemente tem sido discutida a importância das PV na proteção do organismo contra agentes infecciosos e pouco se sabe sobre as lesões microscópicas em pacientes autopsiados, pois o estudo das cordas vocais não é rotina no exame post mortem. Objetivo: O objetivo deste estudo foi descrever as alterações microscópicas das pregas vestibulares e realizar a sua relação com as causas de óbito e doença de base de adultos autopsiados. Forma de estudo: coorte transversal. Materiais e Método: Foram estudadas microscopicamente 82 laringes coletadas de adultos autopsiados sendo realizada a coloração da Hematoxilina-eosina para visualizar as alterações morfológicas microscópicas das PV. Resultados: Das 82 PV analisadas, observamos que 42 (51%) apresentaram reação inflamatória, sendo esta a única lesão encontrada. Quinze (18,3%) casos apresentaram hiperplasia dos folículos linfóides, onze (13,4%) casos infiltrado inflamatório difuso intenso e 16 (19,5%), reação inflamatória aguda. As doenças de base mais freqüentemente encontradas foram as do grupo de doenças do aparelho circulatório 31 (37,8%) e nestas 20 (67,8%) apresentavam reação inflamatória das PV. As doenças infecciosas foram a causa de morte mais freqüente nos pacientes com reação inflamatória das pregas vestibulares. Conclusão: Além da função anatômica as PV parecem possuir uma função imunológica em relação à infeccção das vias aéreas inferiores. Nosso estudo demonstrou a presença de reação inflamatória nas cordas vocais em pacientes com doenças infecciosas como causa de morte, podendo este achado estar relacionado com o processo séptico generalizado que levou o indivíduo à morte ou ser uma das formas do organismo prevenir a penetração de agentes infecciosos.
Abstract: The increasing in the invasive methods currently applied to diagnosis airway uppert tract infection leads to a possible increase in the vestibular folds (VF) lesions. Besides, the VF importance in the prevention of the organism against infection pathogens had been stressed and few studies had addressed the microscopic lesions of the VF in autopsied patients because there is no routine VF examination in the post mortem exam. Aim: The aim of this study is the morphological microscopic analyses of the VF from autopsied patients and its correlation with the basic disease and the cause of death. Study design: transversal cohort. Material and Method: We studied 82 larynges collected during the autopsy exam and performed the Hematoxylin - eosin method for morphological analyses. Results: From the 82 vestibular folds analyzed we observe that 42 (51%) showed a inflammatory reaction. In fifteen (18.3%) vestibular folds we found lymphoid follicular hyperplasia, in eleven (13.4%) diffuse inflammatory infiltrate and in sixteen (19.5%) acute inflammatory reaction. The circulatory diseases were the most frequently basics diseases found, 31 (37.8%) and from these 20 (67.8%) presented associated vestibular folds inflammatory reaction. The infection diseases were the most frequently cause of death among the patients with inflammatory reaction of the VF. Conclusion: Besides the anatomic function the VF seems to have a immunological function preventing lower airway infections. Our study demonstrated a inflammatory PV reaction in patients with infections diseases as a cause of death, this finding could be a consequence of the sepses that leads the patient to death or a different way which the organism used to prevent infection.
Palavras-chave: Adultos
Autópsia
Inflamação
Pregas vestibulares
Adults
Autopsy
Inflammation
Vestibular folds
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Citação: ROSSI, Renata Calciolari et al. Descrição das lesões microscópicas das pregas vestibulares de adultos autopsiados e sua relação com as causas de óbito e doença de base. Revista Brasileira de Otorrinolaringologia, São Paulo, v. 71, n. 2, p. 161-166, mar./abr. 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0034-7299200500020000
Identificador do documento: 10.1590/S0034-7299200500020000
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15802
Data de publicação: Abr-2005
Aparece nas coleções:FEN - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Renata Calciolari Rossi - 2005.pdf246,66 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons