Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15898
Tipo do documento: Artigo
Título: Prevalence of eating disorder attitudes among men and women with exercise dependence symptoms: a non-athlete population study
Título(s) alternativo(s): Prevalência de transtornos alimentares entre homens e mulheres com sintomas de dependência de exercícios: um estudo na população de não atletas
Prevalencia de los trastornos alimentarios entre hombres y mujeres con síntomas de dependencia de ejercicios: estudio de la población no deportista
Autor: Silva, Elaine Fernanda da
Silva, Aliane Ramalho da
Silva, Amarilis Dias da
Pedrino, Gustavo Rodrigues
Rosa, Daniel Alves
Resumo: O presente estudo buscou descrever a prevalência da Dependência de Exercí- cios Secundário (DESc, ou seja, atitudes alimentares de risco associadas com sintomas de dependência de exercícios) entre homens e mulheres em uma população não-atleta. Neste trabalho, 174 praticantes regulares de exercícios físicos, entre 18 e 62 anos, quando abor- dados responderam à Escala de Dependência de Exercícios (EDE) e ao Eating Attitudes Test (EAT-26). Houve mais mulheres do que homens com DESc. Contudo, somente os homens apresentaram sintomas de dependência de exercícios com ausência de atitudes alimentares de risco. Os transtornos alimentares podem ou não ocorrer entre não-atletas dependentes de exercícios físicos, embora haja uma maior prevalência de DESc entre as mulheres.
Abstract: El estudio tiene como objetivo describir la prevalencia de la Dependencia de Ejercicio Secundaria (DESc, a saber riesgo de trastornos alimentarios asociado con los síntomas de dependencia de ejercicios) entre hombres y mujeres en una población no atleta. En este trabajo, 174 practicantes de ejercicios físicos regulares, entre 18 y 62 años, cuando abordados respondieron a la Escala de Dependencia del Ejercicio (EDE) y Eating Attitudes Test (EAT-26). Hubo más mujeres que hombres con DESc. Todavía, sólo los hombres mostraron síntomas de dependencia de ejercicios desasociado de los riesgos de trastorno alimentarios. Trastornos alimentarios pueden existir entre los practicantes de ejercicios no deportistas, aunque hay una mayor prevalencia de mujeres con DESc.
The present study sought to describe the prevalence of Secondary Exercise Dependence (ScED, i.e. eating disorders attitudes along with exercise dependence symptoms) may differ between men and women in a broader exercising population. In this study, 174 regularly exerciser, aged 18-62 years old, who were invited to respond the Exercise Dependence Scale (EDS) and the Eating Attitudes Test (EAT-26). There were more women than men with ScED. However, only men in the sample presented exercise dependence symptoms without eating disorders attitudes. Eating disorders may or may not exist in those who are exercise dependent in the broad exercising population, although there is a higher prevalence of ScED in women than men.
Palavras-chave: Dependencia
Cuestionarios
Ejercicio
Comportamiento alimentario
Dependence
Feeding behavior
Exercise
Questionnaires
Dependência
Questionários
Exercício
Comportamento alimentar
País: Brasil
Unidade acadêmica: Instituto de Ciências Biológicas - ICB (RG)
Citação: SILVA, Elaine Fernanda da et al. Prevalence of eating disorder attitudes among men and women with exercise dependence symptoms: a non-athlete population study. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Porto Alegre, v. 35, n. 3, p. 599-610, July/Set. 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0101-32892013000300006 
Identificador do documento: 10.1590/S0101-32892013000300006 
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15898
Data de publicação: Set-2013
Aparece nas coleções:ICB - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Elaine Fernanda da Silva - 2013.pdf136,51 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons