Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/1632
Tipo do documento: Article
Título: Tradição e modernidade: um ensaio sobre o grupo "O Estado"
Autor: Almeida, Maria Luisa Nabinger de
Resumo: Este ensaio teve origem em uma pesquisa realizada em 1992, junto ao grupo O Estado, sobre as transformações dos processos de gestão e de trabalho na produção da informação. Analisamos, assim, os paradigmas taylorista e fordista que cederam lugar, pelo avesso, ao modelo de Ohno ou o 'toyotismo'. Esse fenômeno de substituição de modelos no setor jornalístico, associado ao clássico binômio da Sociologia 'tradição' e 'modernidade', é ignorado tanto nos meios acadêmicos quanto pelos vestibulandos da área de Comunicação Social.
Abstract: This essay arose from a 1992 O ESTADO group reasearch on the administration "processes" transformation and information production. Therefore we analysed the taylorist and fordist paradigms which have been replaced by its opposite, the Ohno model or "toyotism". This phenomenon of modcl rcplaccment on journalistic sector related to the classic sociologic binomial "tradition" and "modernness" is ignored by the academic environment and by the Social Communication preparatory students.
Palavras-chave: Informação
Produção da informação
Gestão da informação
Paradigma
Jornais
Instituição: Simone Antoniaci Tuzzo
Citação: ALMEIDA, M. L. N. de. Tradição e modernidade: um ensaio sobre o grupo "O Estado". Comunicação & Informação, Goiânia, GO, v. 2, n. 1, p. 43-62, jan./jun. 1999. Disponível em: <http://www.revistas.ufg.br/index.php/ci/article/view/22844/13586>.
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/1632
Data de publicação: 30-Jun-1999
Aparece nas coleções:FIC - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
22844-96567-1-PB.pdf3,72 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.