Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16458
Tipo do documento: Artigo
Título: Diagnostic and clinical factors associated with pulpal and periapical pain
Autor: Estrela, Carlos
Guedes, Orlando Aguirre
Silva, Julio Almeida
Leles, Cláudio Rodrigues
Estrela, Cyntia Rodrigues de Araújo
Pecora, Jesus Djalma
Resumo: Um estudo retrospectivo foi realizado para identificar fatores clínicos e de diagnóstico associado com a dor de origem odontogênica. Foram selecionados 1765 pacientes que buscaram tratamento para dor odontogênica no Serviço de Urgência da Faculdade de Odontologia da Universidade Federal de Goiás. Os critérios de inclusão foram dor de origem pulpar ou periapical antes do tratamento dentário (mínimo de 6 meses depois da última consulta odontológica), e os critérios de exclusão foram dentes com anomalias de desenvolvimento e falta de informações ou registros incompletos. Avaliações clínicas e radiográficas foram realizadas para se obter as características clínicas de dor, incluindo origem, duração, frequência e localização da dor, testes de palpação, percussão e vitalidade pulpar, aspectos radiográficos, diagnóstico endodôntico e características dos dentes. Os testes qui-quadrado e regressão logística múltipla foram utilizados para verificar a associação entre a dor de origem pulpar e periapical e variáveis independentes. O diagnóstico endodôntico de dor de origem pulpar mais frequente foi pulpite sintomática (28,3%) seguido por pulpalgia hiper-reativa (14,4%), e o mais frequente de dor de origem periapical foi periodontite apical sintomática infecciosa (26,4%). Análise de regressão revelou que câmaras pulpares fechadas e cáries estavam altamente associadas à dor pulpar e, inversamente, câmara pulpar aberta estava associada à dor periapical (p<0,001). O diagnóstico endodôntico e fatores locais associados com dor de origem pulpar e periapical sugerem que os fatores clínicos importantes das dores pulpares foram câmaras pulpares fechadas e cáries, e de dor periapical foi câmara pulpar aberta.
Abstract: A retrospective survey was designed to identify diagnostic subgroups and clinical factors associated with odontogenic pain and discomfort in dental urgency patients. A consecutive sample of 1,765 patients seeking treatment for dental pain at the Urgency Service of the Dental School of the Federal University of Goiás, Brazil, was selected. Inclusion criteria were pulpal or periapical pain that occurred before dental treatment (minimum 6 months after the last dental appointment), and the exclusion criteria were teeth with odontogenic developmental anomalies and missing information or incomplete records. Clinical and radiographic examinations were performed to assess clinical presentation of pain complaints including origin, duration, frequency and location of pain, palpation, percussion and vitality tests, radiographic features, endodontic diagnosis and characteristics of teeth. Chi-square test and multiple logistic regression were used to analyze association between pulpal and periapical pain and independent variables. The most frequent endodontic diagnosis of pulpal pain were symptomatic pulpitis (28.3%) and hyperreactive pulpalgia (14.4%), and the most frequent periapical pain was symptomatic apical periodontitis of infectious origin (26.4%). Regression analysis revealed that closed pulp chamber and caries were highly associated with pulpal pain and, conversely, open pulp chamber was associated with periapical pain (p<0.001). Endodontic diagnosis and local factors associated with pulpal and periapical pain suggest that the important clinical factor of pulpal pain was closed pulp chamber and caries, and of periapical pain was open pulp chamber.
Palavras-chave: Uurgency
Apical periodontitis
Ddental pain
Pulpal pain
Periapical pain
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de Odontologia - FO (RG)
Citação: ESTRELA, Carlos et al. Diagnostic and clinical factors associated with pulpal and periapical pain. Brazilian Dental Journal, Ribeirão Preto, v. 22, n. 4, p. 306-311, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0103-64402011000400008
Identificador do documento: 10.1590/S0103-64402011000400008
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16458
Data de publicação: 2011
Aparece nas coleções:FM - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Carlos Estrela - 2011.pdf239,06 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons