Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16778
Tipo do documento: Artigo
Título: Psychiatry disorders and dengue: is there a relationship?
Título(s) alternativo(s): Transtornos psiquiátricos e dengue: existe uma correlação?
Autor: Caixeta, Leonardo Ferreira
Azevedo, Paulo Verlaine Borges
Caixeta, Marcelo
Reimer, Cláudio Henrique Ribeiro
Resumo: Objetivo: O objetivo deste estudo foi examinar a relação entre colecionismo compulsivo e a dengue. Método: Cinquenta e dois adultos notificados pelas autoridades de vigilância sanitária por causa do acúmulo inadequado de lixo em lotes vagos em Goiânia, no Brasil Central, completaram um questionário sobre a presença e gravidade de comportamentos de colecionismo (Hoarding Rating Scale - Interview - HRS-I). Cinco dimensões de colecionismo são avaliadas com esse instrumento: a dificuldade de utilização do espaço devido à intensa desorganização, dificuldade de descartar pertences sem função, aquisição excessiva de objetos, distúrbios emocionais e comprometimento funcional devido a comportamentos de colecionismo. Resultados: A amostra foi predominantemente do sexo masculino, com idade média de 49 anos. Oitenta e seis por cento da amostra atingiu 14 pontos ou mais na HRS-I, indicando colecionismo patológico. As médias dos cinco domínios do HRS-I foram altas, indicando gravidade de todas as dimensões de colecionismo patológico. Conclusão: Estes resultados ressaltam a relação entre transtorno psiquiátrico e as ações sobre as condições ambientais que favorecem a disseminação da dengue, bem como o problema de saúde pública associado.
Abstract: Objective: The aim of this study was to examine the relationship of compulsive hoarding with dengue. Method: Fifty two adults notified by health vigilance authorities because of inappropriate trash accumulation in vacant lots in Goiânia, Central Brazil, completed a questionnaire regarding the presence and severity of hoarding behavior (Hoarding Rating Scale-Interview HRS-I). Five dimensions of hoarding are evaluated with this instrument: difficulty using spaces due to clutter, difficulty discarding possessions, excessive acquisition of objects, emotional distress and functional impairment due to hoarding behaviors. Results: The sample was primarily male, with an average age of 49 years. Eighty six percent of the sample scored 14 or greater on the HRS-I, indicating pathological hoarding. The medias of the five HRS-I domains were high, indicating severeness of all dimentions of pathological hoarding. Conclusion: These results highlight the relationship between psychiatric disorder and actions upon environmental conditions that favors dengue, as well as its associated public health burden.
Palavras-chave: Public heath
Dengue
Psychiatry
Compulsive hoarding
Saúde pública
Psiquiatria
Colecionismo compulsivo
País: Brasil
Unidade acadêmica: Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Citação: CAIXETA, Leonardo; AZEVEDO, Paulo Verlaine Borges; CAIXETA, Marcelo; REIMER, Cláudio Henrique Ribeiro. Psychiatry disorders and dengue: is there a relationship? Arquivos de Neuro-Psiquiatria, São Paulo, v. 69, n. 6, p. 920-923, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0004-282X2011000700014
Identificador do documento: 10.1590/S0004-282X2011000700014
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16778
Data de publicação: 2011
Aparece nas coleções:IPTSP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Leonardo Ferreira Caixeta - 2011.pdf1,62 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons