Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16833
Tipo do documento: Artigo
Título: Concordância entre o relato do paciente e o exame com estetoscópio na avaliação de sons articulares
Autor: Compagnoni, Marco Antonio
Lombardo, Geraldo Henrique Leão
Leles, Cláudio Rodrigues
Barbosa, Débora Barros
Souza, Raphael Freitas de
Resumo: Sons na articulação temporomandibular são bastante comuns e podem estar associados às disfunções temporomandibulares. Questões sobre sons articulares, bem como exame físico por meio de auscultação com estetoscópio, poderiam detectar a presença de sons ou alguma disfunção nestas articulações. Procurou-se, no presente estudo, avaliar a concordância entre o relato do paciente e o exame físico das articulações temporomandibulares através de estetoscópio, em relação à presença ou ausência de sons articulares. Dos 400 indivíduos examinados, observou-se uma concordância de 72% entre os achados subjetivos e objetivos do exame clínico, sendo que estes dois tipos de métodos de avaliação poderiam ser utilizados em associação para um diagnóstico mais seguro e possível avaliação para tratamento quando necessário.
Palavras-chave: Articulação temporomandibular
Paciente
Sons articulares
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de Odontologia - FO (RG)
Citação: COMPAGNONI, Marco Antonio Compagnoni et al. Concordância entre o relato do paciente e o exame com estetoscópio na avaliação de sons articulares. JBA: jornal brasileiro de oclusão, ATM & dor orofacial, Curitiba, v. 1, n. 4, p. 287-289, out./dez. 2001.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16833
Data de publicação: Dez-2001
Aparece nas coleções:FM - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Marco Antonio Compagnoni - 2001.pdf127,05 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons