Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16905
Tipo do documento: Artigo
Título: Avaliação de prescrições farmacoterapêuticas em um Centro de Atendimento Psicossocial (CAPS) de um município situado no sudeste goiano
Título(s) alternativo(s): Evaluation of pharmacotherapeutic prescription in a Psychosocial Care Center (CAPS) of a city of southeast of Goiás
Evaluación de prescripciones farmacoterapéuticas en uno Centro de Atención Psicosocial (CAPS) de una cidade ubicada en el sudeste goiano
Autor: Borges Júnior, Orenito Simão
Silva, Bruna Carolina Gonçalves da
Fernandes, Luiza Carla Silva Guimarães
Lucchese, Roselma
Felipe, Rodrigo Lopes de
Vera, Ivânia
Resumo: O aumento de prescrições medicamentosas nos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), adjunto ao seu alto potencial de interações, exige a intervenção farmacêutica como um serviço conciliador da terapêutica por ser capaz de identificar e prevenir potenciais problemas relacionados aos medicamentos que comprometem o quadro clínico desse público e seu uso racional. Assim, por meio de uma análise observacional descritiva e transversal, o estudo objetivou traçar o perfil farmacoterapêutico das prescrições medicamentosas pertencentes a usuários do sistema semi-intensivo de um CAPS, situado no sudeste goiano. Em análise dos 228 prontuários, identificou-se a prescrição de 669 medicamentos destinados em prevalência a usuários do sexo feminino e baixo nível de escolaridade. Houve grandes diferenças quanto aos esquemas terapêuticos individuais, abordando 20,61% de monoterapias e 79,39% multiterapias. Ainda houve 150 (82,88%) prescrições que apresentaram de 1 (4%) a 11 (1,33%) potenciais interações medicamentosas, na qual o risco de intoxicação cardíaca e consequente prolongamento do intervalo QT foi o potencial problema prevalente,estando presente em 156 (42,16%) das interações. Os dados deflagrados apresentam algumas fragilidades da condução farmacoterapêutica neste serviço, demonstrando a necessidade da participação mais atenciosa e efetiva do farmacêutico no acompanhamento destes pacientes.
Abstract: The increase of drug prescriptions in Psychosocial Care Centers (CAPS), associated at the high potential drug interactions requires a pharmaceutical intervention as a conciliator service of therapy, for identifying and preventing the potential problems related to drugs, which can compromise the clinical condition of this public and its rational use. Thereby, this study aims at identifying a pharmacotherapeutic profile of drug prescriptions belonging to users of semi-intensive system of a CAPS, in a city located in the south east of Goiás, through a descriptive and observational cross-sectional analysis. Analyzing 228 records were identified 669 prescription drugs in the prevalence for female users and with low level of education. Amongst 150 (82.88%) medical prescriptions it was exhibited between 1 (4%) and 11 (1.33%) interactions. The risk of heart intoxication and consequent prolongation of the QT interval, was the potential prevalent problem, present in 156 (42.16%) of interactions. The data have deflagrated some weaknesses of pharmacotherapeutic conducting in this service, demonstrating the need for more attentive and effective participation of the pharmaceutical monitoring of patients.
El aumento de prescripciones medicamentosas en los Centros de Atención Psicosocial (CAPS), adjunto a su alto potencial de interacciones, exige la intervención farmacéutica como un servicio conciliador de la terapéutica por ser capaz de identificar y prevenir posibles problemas relacionados con los medicamentos que comprometen el cuadro clínico de este público e su uso racional. Así, por medio de un análisis observacional descriptivo y transversal, el estudio objetivó trazar el perfil farmacoterapéutico de las prescripciones medicamentosas pertenecientes a los usuarios del sistema semi-intensivo de un CAPS, ubicados en el sudeste goiano. En el análisis de 228 expedientes, se identifica 669 medicamentos, recetados en predominio a las mujeres y bajo nivel de educación entre los usuários. Hubo grandes diferencias con relación a los esquemas terapéuticos individuales abordando el 21,61% de monoterapias y el 79,39% de multiterapias. Aún que fue evidenciado de que 150 (82,88%) prescripciones presentaron de 1 (4%) a 11 (1,33%) potenciales interacciones medicamentosas, en el cual el riesgo de intoxicación del corazón y la consiguiente prolongación del intervalo QT fue el potencial problema prevalente, estando presente en 156 (42,16%) de las interacciones. Los datos deflagrados presentan algunas debilidades de la conducción farmacoterapéutico en este servicio, lo que demuestra la necesidad de una participación más atenta y eficaz del farmacéutico en el acompañamiento de los pacientes.
Palavras-chave: Serviços de saúde mental
Cuidados farmacêuticos
Prescrições médicas
Mental health services
Pharmaceutical care
Medical prescriptions
Servicios de slud mental
Atención farmacéutica
Prescripciones médicas
País: Brasil
Instituição: Flávio Marques Lopes
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Farmácia - (FF)
Citação: BORGES JÚNIOR, Orenito Simão; SILVA, Bruna Carolina Gonçalves da; FERNANDES, Luiza Carla Silva Guimarães; LUCCHESE, Roselma; FELIPE, Rodrigo Lopes de; VERA, Ivânia. Avaliação de prescrições farmacoterapêuticas em um centro de atendimento psicossocial (CAPS) de um município situado no sudeste goiano. Revista Eletrônica de Farmácia, Goiânia, v. 13, n. 1, p. 37-44, jan./mar. 2016. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/REF/article/view/36128/pdf>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5216/ref.v13i1.36128
Identificador do documento: 10.5216/ref.v13i1.36128
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16905
Data de publicação: Mar-2016
Aparece nas coleções:FF - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Orenito Simão Borges Júnior - 2016.pdf442,86 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons