Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17137
Tipo do documento: Artigo
Título: A randomized, controlled, crossover trial of oral midazolam and hydroxyzine for pediatric dental sedation
Título(s) alternativo(s): Sedação com midazolam e hidroxizina por via oral em Odontopediatria: ensaio clínico randomizado, controlado e cruzado
Autor: Lima, Alessandra Rodrigues de Almeida
Costa, Luciane Ribeiro de Rezende Sucasas da
Costa, Paulo Sérgio Sucasas da
Resumo: Há controvérsias quanto aos benefícios do midazolam na sedação de crianças durante a atenção odontológi- ca. Conduziu-se um ensaio clínico controlado, cruzado e duplo-cego para comparar o efeito sedativo em Odontopedia- tria da administração oral do midazolam, associado ou não à hidroxizina. Trinta e sete sessões foram realizadas em 11 crianças menores de cinco anos, ASA I. Em cada atendimento, os pacientes receberam aleatoriamente o medicamento conforme os grupos: P - placebo, M - midazolam (1,0 mg/kg); MH - midazolam (0,75 mg/kg) associado à hidroxizina (2,0 mg/kg). Os sinais vitais (pressão arterial, freqüência respiratória, pulso e saturação de oxigênio) e os parâmetros comportamentais (consciência, choro, movimento, comportamento geral) foram avaliados a cada 15 minutos. As com- parações entre grupos e entre momentos de atendimento num mesmo grupo foram estabelecidas estatisticamente através dos testes Friedman e Wilcoxon. Os grupos P, M e MH não diferiram quanto aos sinais vitais, os quais se man- tiveram dentro de valores aceitáveis. A freqüência cardíaca aumentou nos grupos P e M com o transcorrer da sessão. O grupo M esteve associado a menos choro e movimento nos primeiros 15 minutos de tratamento. O grupo MH apresen- tou mais sonolência no início da sessão. O comportamento geral foi melhor em M do que em P e MH. M produziu seda- ção efetiva em 77% dos casos, e MH em 30,8%. Concluiu-se que o midazolam foi efetivo e seguro, e que sua associação à hidroxizina não repercutiu em vantagens adicionais na sedação odontopediátrica.
Abstract: The effectiveness of oral midazolam in pediatric dentistry is controversial. This randomized, controlled, crossover, double blind clinical trial was conducted in order to study the effect of midazolam, used either alone or in association with hydroxyzine, during child dental treatment. Thirty seven dental sedation sessions were carried out on 11 ASA I uncooperative children less than five years-old. In each appointment children were randomly assigned to groups: P - placebo, M - midazolam (1.0 mg/kg), or MH - midazolam (0.75 mg/kg) plus hydroxyzine (2.0 mg/kg). Vital signs (blood pressure, breathing rate, pulse and oxygen saturation) and behavior parameters (consciousness, crying, movement, overall behavior) were evaluated every 15 minutes. Friedman and Wilcoxon statistical tests were used to compare groups and different moments in the same group. Normal values of vital signs were usually registered. Heart rate increased in groups P and M as the session went on. Group M presented less crying and movement at the first 15 minutes of treatment. Group MH caused more drowsiness at the beginning of the session. Overall behavior was better in group M than in groups P or MH. Group M produced effective sedation in 77% of the cases, and group MH did so in 30.8%. It was concluded that midazolam was effective and safe, and its association with hydroxyzine did not lead to additional advantages in pediatric dental sedation.
Palavras-chave: Sedação consciente
Odontopediatria
Hidroxizina
Conscious sedation
Hydroxyzine
Pediatric dentistry
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de Odontologia - FO (RG)
Citação: LIMA, Alessandra Rodrigues de Almeida; COSTA, Luciane Ribeiro de Rezende Sucasas da; COSTA, Paulo Sérgio Sucasas da. A randomized, controlled, crossover trial of oral midazolam and hydroxyzine for pediatric dental sedation. Pesquisa Odontológica Brasileira, São Paulo, v. 17, n. 3, p. 206-211, July/Sept. 2003.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S1517-74912003000300002 
Identificador do documento: 10.1590/S1517-74912003000300002 
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17137
Data de publicação: Set-2003
Aparece nas coleções:FM - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Alessandra Rodrigues de Almeida Lima - 2003.pdf130,38 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons