Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17180
Tipo do documento: Artigo
Título: Determinação do albedo de superfície em áreas irrigadas do projeto Jaíba (Minas Gerais), mediante imagens landsat 5 - TM
Título(s) alternativo(s): Determination of the surface albedo of Jaíba project irrigated areas (Minas Gerais) from landsat 5 - TM images
Autor: Veloso, Gabriel Alves
Ferreira, Manuel Eduardo
Rosa, Roberto
Silva, Bernardo Barbosa da
Resumo: O presente estudo teve como objetivo determinar o albedo de áreas irrigadas do projeto Jaíba, localizado no norte do estado de Minas Gerais, entre as coordenadas UTM de 595204/626309 e 8308401/8341257 N - Zona 23. Na elaboração do trabalho foram utilizadas imagens do Satélite Landsat 5 - TM, órbita/ponto 219/70, obtidas nos dias 31 de janeiro, calendário/dia Juliano 31 (DJ31), 21 de abril (DJ111), 24 de junho (DJ175), 10 de julho (DJ191) e 12 de setembro (DJ255), todas do ano de 2011. A determinação do albedo de superfície foi realizada segundo os procedimentos do algoritmo SEBAL (Surface Energy Balance Algorithm for Land), que se baseia na radiância dos canais refletivos do TM. A pesquisa obteve valores de albedo de superfície dos dias 31 e 111 para o rio São Francisco, na ordem de 9 a 13%, associados ao aumento da carga de sedimentos provocado pela estação chuvosa. Os resultados do albedo de vegetação nativa foram os que demonstraram maior variação, com valores na ordem de 9 a 16%. Este resultado pode estar associado à dinâmica que as estações do ano imprimem na vegetação e na pastagem, sendo que o dia 255 apresentou maior variação no período analisado, correspondente à seca. Os valores observados nas áreas irrigadas foram na ordem de 16 a 23%, enquanto os valores na vegetação degradada, pastagem e solo exposto variaram na ordem de 23 a 32%, sendo estes coerentes com a literatura científica.
Abstract: The present study aimed to determine the surface albedo in irrigated areas of the Jaíba Project, located in the north of Minas Gerais state, between the coordinates UTM of 595204/626309 and 8308401/8341257 N - Zone 23. In the preparation of this project, it was used satellite images from Landsat 5 –TM, path/row 219/70, with images from January 31, Julian Day 31 (JD 31), April 21 (JD 111), June 24 (JD 175), July 10 (JD 191) and September 12 (JD 255) of the year 2011. The determination of surface albedo was performed according to the procedures of the algorithm SEBAL (Surface Energy Balance Algorithm for Land) based on the radiance of reflective channels of the TM sensor. The values of surface albedo of days 31 and 111 (San Francisco River) were in order of 9 to13%, associated with the increased of sediment load caused by the rainy season. The results of the albedo in natural vegetation places showed greater variation, in order of 9 to 16%. This result may be associated to the hole of seasonality over native vegetation and pasture, where the day 255 has presented the larger variation in the analyzed period, corresponding to the dry season. The values observed in the irrigated areas were in order of 16 to 23%, while the values in degraded vegetation, pasture and bare soil varied in order of 23 to 32%, consistent with the scientific literature.
Palavras-chave: Albedo de superfície
SEBAL
Agricultura
Mudanças climáticas
Surface albedo
Agriculture
Climate change
País: Brasil
Unidade acadêmica: Escola de Agronomia e de Engenharia de Alimentos - EA (RG)
Citação: VELOSO, Gabriel Alves et al. Determinação do albedo de superfície em áreas irrigadas do projeto Jaíba (Minas Gerais), mediante imagens landsat 5 - TM. RA' e GA: o espaço geográfico em análise, Curitiba, v. 35, p. 126-146, dez. 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17180
Data de publicação: Dez-2015
Aparece nas coleções:EA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Gabriel Alves Veloso - 2015.pdf1,08 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons