Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17860
Tipo do documento: Artigo
Título: Manifestações bucais na infecção pelo vírus da imunodeficiência humana: uma revisão sistemática da literatura
Título(s) alternativo(s): Oral manifestations in HIV infection: a systematic literature review
Autor: Silva, Solange Moreira da
Pereira, Alexandre Lustosa
Garcíazapata, Marco Tulio Antonio
Resumo: O propósito deste estudo foi o de realizar uma Revisão Sistemática da Literatura por meio de descritores DECs (BVS) e Mesh Terms (PubMed) em bases de dados específicas (Scielo, Scopus, Lilacs, PubMed e CAPES) para investigar a prevalência e o significado das manifestações bucais na infecção pelo HIV na visão de diferentes autores. Foram identificados 337 artigos científicos que utilizaram padrões de avaliação similares em indivíduos infectados pelo HIV a partir de 18 anos de idade. Após a aplicação dos Testes de Relevância I e II resultaram 20 artigos científicos (5,93%). Foram excluídos artigos de revisão, relatos de caso, atualizações e anais de congressos. Concluiu-se que: a) a prevalência destas lesões variou entre 19.5,% a 85% em diferentes regiões do mundo; b) As lesões mais frequentes foram de origem fúngica, principalmente a candidose em suas diferentes formas. Em segundo lugar esteve a Leucoplasia Pilosa Bucal, lesão de origem viral; c) neoplasias da cavidade oral apresentaram baixas prevalências; d) podem ser os primeiros sinais da infecção pelo HIV; e) a Candidose Bucal está associada à depleção de linfócitos TCD4 e ao aumento da carga viral e pode ser considerado um marcador para imunodepressão e AIDS e para a falha terapêutica em pacientes HIV+ sob o uso de Antirretrovirais; f) são úteis para monitorar a progressão da doença em países com poucos recursos financeiros.
Abstract: The purpose of this study was to develop a systematic literature review using DECs descriptors (BVS) and Mesh Terms (PubMed) in specific data bases (PubMed, Scopus, ScieLO, Lilacs and CAPES) to verify the prevalence and the meaning for the oral manifestations in HIV infection. It was accepted articles in English, Portuguese and Spanish since 2000 until 2012. 337 articles were identified, but only 20 (5, 93%) were included after Relevance Tests I and II. It was possible to conclude that prevalence for oral manifestations in HIV patients ranged from 19, 5% to 85% at different regions around the world. The most prevalent lesion was oral candidiasis followed by oral hairy leukoplakia. Neoplasms are not so frequent anymore. Oral candidiasis has been considered a marker for immunedepression and AIDS and for therapeutic failure. These lesions may be useful on monitoring the disease progression at developing countries.
Palavras-chave: Mouth diseases
Aids-related opportunistic infections
Manifestações bucais
Oral manifestations
Doenças da boca
Infecções oportunistas relacionadas à AIDS
País: Brasil
Unidade acadêmica: Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Citação: SILVA, Solange Moreira da; PEREIRA, Alexandre Lustosa; GARCÍA-ZAPATA, Marco Tulio Antonio. Manifestações bucais na infecção pelo vírus da imunodeficiência humana: uma revisão sistemática da literatura. Revista da Faculdade de Odontologia de Porto Alegre, Porto Alegre, v. 52, n. 1/3, p. 57-65, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17860
Data de publicação: Dez-2011
Aparece nas coleções:FM - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Solange Moreira da Silva - 2011.pdf741,26 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons