Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17938
Tipo do documento: Artigo
Título: Memória e tessitura da narrativa: uma experiência escolar de leitura
Título(s) alternativo(s): The memory and the interweaving of the narrative: a school reading experience
Autor: Oliveira, Ilse Leone Borgs Chaves de
Delgado, Andréa Ferreira
Resumo: A leitura do romance Menino de engenho, de José Lins do Rego, integra um conjunto de experiências pedagógicas interdisciplinares que relaciona práticas de leitura e o estudo de conteúdos históricos. Por meio de atividades que estimulam a compreensão da construção do texto literário, objetiva-se investigar as conexões entre os mecanismos da memória e a criação literária, considerando as especifi cidades desse gênero discursivo. Esse trabalho, desenvolvido na 7ª série do Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação da Universidade Federal de Goiás (Cepae/UFG), entrelaçou a abordagem da escravidão e a leitura do livro Doidinho, do mesmo autor, realizada no ano anterior. A partir do conceito de “permanência” das relações sociais geradas na sociedade escravista, adaptou-se um texto de sociologia rural e elaboraram- se atividades que auxiliaram os alunos a perceber as múltiplas relações de trabalho no engenho Santa Rosa, analisando-as enquanto práticas construídas pela dependência e pela troca de favores. Para delinear as estratégias de produção discursiva da memória, realizou-se a transposição didática da crítica literária que enfoca a obra de José Lins do Rego. Elegeramse os seguintes eixos para investigar essa escrita da memória: a voz narrativa que combina memória e fi cção para a composição da trama; a construção da infância e o jogo temporal na tessitura da narrativa. As atividades propostas constituem estratégias pedagógicas de análise do discurso literário, promovendo múltiplas experiências de leitura que contemplam desde a subjetividade da leitura individual, à discussão coletiva dos signifi cados e sentidos do texto até a produção escrita que confi gura exercícios de interpretação da obra literária.
Abstract: The reading of Menino de engenho, by José Lins do Rego, is composed of a set of interdisciplinary pedagogical experiences which relates reading practices to the studies of historical contents. Through activities that stimulate the comprehension of a literary text making, it´s aimed to investigate the connections between the memory mechanisms to literary creation, considering the specifi cities of this discursive gender. This work was developed in the seventh grade in Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação of Universidade Federal de Goiás (Cepae/UFG). It interweaved the slavery approach to the reading of the book Doidinho, by the same author, which was done the previous year. Starting from the concept of “permanence” in social relations originated in the slavery society, a rural sociological text was adapted and activities were elaborated to assist the students to be aware of the multiple work relations in Santa Rosa sugar mill, analysed while practices made out of dependence and by exchanging favors. In order to delineate the estrategies of memory discursive production, a didactic transposition of the literary critic was done, which focused José Lins do Rego´s book. The following axes were elected to investigate this memory writing: the narrative that combines memory and fi ction in the plot, the childhood construction and the temporal play in the interweaving of the narrative. The proposed activities constitute pedagogic strategies of literary discourse analyses, promoting multiple reading experiences which encompass an individual reading subjectivity as well as a collective discussion of text meanings till the writing production that customizes exercises for the literary work comprehension.
Palavras-chave: Leitura
Literatura
Mem´ria
Interdisciplinaridade
Reading
Literature
Memory
Interdisciplinarity
País: Brasil
Instituição: Maria de Fátima Cruvinel
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação (CEPAE) - RG
Citação: OLIVEIRA, Ilse Leone Borgs Chaves de; DELGADO, Andréa Ferreira. Memória e tessitura da narrativa: uma experiência escolar de leitura. Revista Solta a Voz, Goiânia, v. 17, n. 2, p. 119-133, 2006. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/sv/article/view/119/4702.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5216/rp.v17i2.6177
2236-0514
Identificador do documento: 10.5216/rp.v17i2.6177
2236-0514
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17938
Data de publicação: 2006
Aparece nas coleções:CEPAE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Ilse Leone Borges Chaves de Oliveira - 2006.pdf98,42 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons