Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18031
Tipo do documento: Artigo
Título: El español como lengua extranjera (e/le): en búsqueda de la adquisición de una voz identitaria
Título(s) alternativo(s): O espanhol como língua estrangeira (e/le): em busca da aquisição de uma voz identitária
Spanish as a foreign language (s/fl): searching for the acquisition of an identity voice
Autor: Silva, Cleidimar Aparecida Mendonça e
Lima, Lucielena Mendonça de
Resumo: Este trabajo discute los datos generados en una sesión reflexiva realizada con las alumnas del último año de la licenciatura en Letras/Español, de la Faculdade de Letras da Universidade Federal de Goiás (UFG). Las futuras profesoras consideran si han adquirido, a lo largo de su formación académica, una voz propia, es decir, una identidad lingüística en dicha lengua. Asimismo, evalúan las variables que puedan haber contribuido para la constitución de esa identidad: los profesores nativos o brasileños, los materiales didácticos y auténticos utilizados, los cursos específicos de formación, los contactos con nativos, entre otros factores. Sabemos que el término “identidad”, bastante polémico, de difícil conceptualización, unas veces aceptado, otras rechazado, siempre ha estado en la pauta de discusión de las ciencias sociales, humanas y también de la filosofía. Por ello, nos proponemos investigar el estado de la cuestión respecto a ese tema abordando sus conceptos principales, las cuestiones relacionadas con los procesos identitarios en la actualidad y su relación con la enseñanza-aprendizaje del español como lengua extranjera (E/LE). Los datos recogidos en la sesión señalan para una identidad, fruto de la influencia de un sinnúmero de factores, aún en proceso de adquisición por parte de las futuras profesoras de español.
Abstract: Este trabalho discute os dados gerados em uma sessão reflexiva realizada com as concluintes da graduação em Letras/Espanhol, da Faculdade de Letras da Universidade Federal de Goiás (UFG). As futuras professoras consideram se adquiriram, ao longo de sua formação acadêmica, uma voz própria, isto é, uma nova identidade linguística na referida língua. Avaliam, também, as variáveis que podem ter contribuído para a constituição dessa identidade: os professores nativos ou brasileiros, os materiais didáticos e autênticos utilizados, os cursos específicos de formação, os contatos com nativos, entre outros fatores. Sabemos que o termo “identidade”, bastante polêmico, de difícil conceituação, umas vezes aceito, outras rechaçado, sempre esteve na pauta de discussões das ciências sociais, humanas e também da filosofia. Por isso, nos propusemos a investigar o estado da questão a respeito desse tema abordando seus conceitos principais, as questões relacionadas com os processos identitários na atualidade e sua relação com o ensino-aprendizagem do espanhol como língua estrangeira (E/LE). Os dados coletados na sessão apontam para uma identidade, fruto da influência de inúmeros fatores, ainda em processo de aquisição pelas futuras professoras de espanhol.
This paper discusses the data which were produced throughout a reflective session with the undergraduates of Spanish Graduation Course from Faculdade de Letras, Universidade Federal de Goiás (UFG). According to the students’ opinions, they have acquired their own voices in Spanish as well as a linguistic identity in this language during their academic lives at university. The students under investigation also evaluate the variables which might have contributed to the constitution of their identities: their professors, the Brazilian ones and the Spanish speaking ones, the didactic materials, courses in Second Language Teacher Education, interactions with native speakers of Spanish and other factors. We know that the word identity is pretty polemical and is not easily conceptualized, sometimes it is accepted or criticized, and it has always been discussed by Philosophy, Social and Human Sciences. For this reason, we have aimed to raise discussions on this subject matter and its main concepts, especially the topics concerning the current identity processes and their relationships with the teaching and learning processes of Spanish as a foreign language (S/FL). The data collected point out to an identity which is the result of several factors and their influences, and it is still being acquired by the future Spanish teachers.
Palavras-chave: Español/lengua extranjera
Identidad lingüística
Voz propia
Eespanhol/ língua estrangeira
Identidade linguística
Voz própria
Spanish/Foreign language
Linguistic identity
One’s own voice
País: Brasil
Instituição: Maria de Fátima Cruvinel
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação (CEPAE) - RG
Citação: SILVA, Cleidimar Aparecida Mendonça e; LIMA, Lucielena Mendonça de. El español como lengua extranjera (e/le): en búsqueda de la adquisición de una voz identitaria. Polyphonía, Goiânia, v. 21, n. 1, p. 167-184, jan./jun. 2010. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/sv/article/view/168/9912.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5216/rp.v21i1.16295
Identificador do documento: 10.5216/rp.v21i1.16295
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18031
Data de publicação: Jun-2010
Aparece nas coleções:CEPAE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Cleidimar Aparecida Mendonça e Silva - 2010.pdf133,9 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons