Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18045
Tipo do documento: Artigo
Título: Homo faber y homo ludens: la rima para el uso en la escuela y para la transformación de la educación básica
Título(s) alternativo(s): Homo faber y homo ludens: rima para uso na escola e para a transformação da educação básica
Homo faber and homo ludens: rhyme for use in the school and the transformation of education
Autor: Herbetta, Alexandre Ferraz
Ferreira, Maíra Soares
Resumo: Este artículo trata de reflexionar sobre la posibilidad de una educación básica centrada en la complejidad del ser humano. En este contexto, se comparan dos modelos de educación que coexisten – simultáneamente – en la época contemporánea. El modelo actualmente predominante, que apunta a una formación para el mercado laboral y el consumismo, en otras palabras, que valora la competición y la repetición como los valores centrales de la educación. Y el modelo que pone de relieve la creatividad y la cooperación, que apunta a la innovación y la solidaridad entre las personas, como base para la formación de los ciudadanos. En este último caso, se busca presentar dos ejemplos de actividades educativas llevadas a cabo en la educación básica a través de la literatura de cordel. Está claro, entonces, que la educación básica debe cambiar profundamente a la formación de un nuevo ciudadano.
Abstract: O presente texto busca refletir sobre a possibilidade de uma educação básica voltada para a complexidade do ser humano. Para isso, comparam‑se dois modelos de educação que convivem simultaneamente na contemporaneidade. Um é o modelo atualmente preponderante, que aponta para uma formação para o mercado de trabalho e para o consumismo, em outras palavras, que valoriza a competição e repetição como valores educacionais centrais. O outro é o modelo que busca ressaltar a criatividade e a cooperação, apontando para a inovação e a solidariedade entre as pessoas como base de formação do cidadão. Em relação ao último caso, busca‑se aqui apresentar dois exemplos de atividade pedagógica realizadas na educação básica, ambos baseados na literatura de cordel. Percebe‑se, então, que a educação básica deve se transformar profundamente para a formação de um novo cidadão.
This paper reflects on the possibility of a basic education with a focus on the complexity of the human being. In this context, two education models simultaneously existing in contemporary times are compared. One is the current predominant model, which focuses on formation for the labor market and consumerism, or in other words, values competition and repetition as central educational principles. The other model highlights creativity and cooperation, and emphasizes innovation and solidarity among people as the basis for the formation of citizens. For the latter, two examples of educational activity in basic education are presented, both based on Brazilian popular literature. It is clear from this that basic education must undergo a profound transformation for the formation of new citizens.
Palavras-chave: Complejidad
Educación
Consumismo
Transformación
Art
Complexidade
Educação
Consumismo
Transformação
Arte
Complexity
Education
Consumerism
Transformation
País: Brasil
Instituição: Maria de Fátima Cruvinel
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação (CEPAE) - RG
Citação: HERBETTA, Alexandre Ferraz; FERREIRA, Maíra Soares. Homo faber y homo ludens: la rima para el uso en la escuela y para la transformación de la educación básica. Polyphonía, Goiânia, v. 21, n. 1, p. 135-152, jan./jun. 2013. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/sv/article/view/34129/18019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5216/rp.v24i1.34129
Identificador do documento: 10.5216/rp.v24i1.34129
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18045
Data de publicação: Jun-2013
Aparece nas coleções:CEPAE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Alexandre Ferraz Herbetta - 2013.pdf108,58 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons