Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18107
Tipo do documento: Artigo
Título: Enterobactérias isoladas de baratas (Periplaneta americana) capturadas em um hospital brasileiro
Título(s) alternativo(s): Enterobacteria isolated from cockroaches (Periplaneta americana) captured in a brazilian hospital
Autor: Prado, Marinésia Aparecida do
Pimenta, Fabiana Cristina
Hayashid, Miyeko
Souza, Paula Regina
Pereira, Milca Severino
Gir, Elucir
Resumo: Objetivo. Isolar e identificar microrganismos em baratas capturadas em um hospital público e determinar o seu perfil de suscetibilidade antimicrobiana. Métodos. As baratas foram capturadas nos períodos matutino e noturno, colocadas em frascos desinfetados com álcool a 70%, transferidas para um frasco estéril e levadas ao laboratório. Consideraram-se as baratas íntegras e vivas, as quais foram colocadas em solução salina estéril (0,8%) e homogeneizadas. Essa solução foi semeada nos meios de cultura ágar MacConkey, caldo nutriente, infusão de cérebro e coração (ágar BHI), ágar Sabouraud e ágar manitol. As culturas foram examinadas em um estereomicroscópio para a contagem das unidades formadoras de colônias. Para a determinação do perfil de suscetibilidade antimicrobiana utilizou-se o teste de difusão de disco. Resultados. Detectou-se prevalência de 56% de enterobactérias e de 18% de estafilococos coagulase negativos. Identificaram-se 15 espécies de enterobactérias. As mais freqüentes foram Klebsiella pneumoniae (17%); Enterobacter aerogenes (14%); Serratia marcescens (13%); Hafnia alvei (12%); Enterobacter gergoviae e Enterobacter cloacae (9%); e Serratia spp. (6%). Tanto as enterobactérias quanto os estafilococos coagulase negativos apresentaram uma resistência significativa aos antimicrobianos, inclusive à oxacilina. Conclusões. A prevalência de bactérias enteropatogênicas e de estafilococos coagulase negativos isolados de baratas Periplaneta americana no hospital estudado demonstra a fragilidade das condutas adotadas tanto para o controle de vetores quanto para o uso dos antimicrobianos. Os resultados demonstram a necessidade da implementação de um programa efetivo de saneamento ambiental e do uso racional dos antimicrobianos dentro das instituições de saúde.
Abstract: Objective. To isolate and identify microorganisms from cockroaches that were captured in a public hospital and to test the antimicrobial susceptibility of these microorganisms. Methods. Cockroaches were captured in the morning and at night. They were placed in flasks rinsed with 70% alcohol, transferred to sterilized flasks, and then taken to the laboratory. Only cockroaches captured whole and live were utilized for the study. After being immobilized at 0 degrees C, each cockroach was placed in a test tube with sterile saline solution (0.8%) and then homogenized. The resulting solution was then placed in the following five culture media: MacConkey agar, nutrient broth, brain-heart infusion agar, Sabouraud agar, and mannitol. The cultures were examined using a stereomicroscope, and colony-forming units were counted. The disk diffusion test was used to determine antimicrobial susceptibility. Results. We found a 56% prevalence of enterobacteria and an 18% prevalence of coagulase-negative staphylococci. Fifteen species of enterobacteria were identified. The most frequent were Klebsiella pneumoniae (17%), Enterobacter aerogenes (14%), Serratia marcescens (13%), Hafnia alvei (12%), Enterobacter gergoviae and Enterobacter cloacae (each 9%), and Serratia spp. (6%). Both the enterobacteria and the coagulase-negative staphylococci showed significant resistance to antimicrobials, including oxacillin. Conclusions. The prevalence of enteropathogenic bacteria and coagulase-negative staphylococci isolated from Periplaneta americana cockroaches in the studied hospital reflects the weakness of the measures adopted both for vector control and for antimicrobial use. The results show the need to implement effective health-institution programs focusing on hygiene and the rational use of antimicrobials.
Palavras-chave: Infecção hospitalar
Contaminação
Controle de infecções
Insetos vetores
País: Estados unidos
Unidade acadêmica: Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Citação: PRADO, Marinésia A.; PIMENTA, Fabiana C.; HAYASHIDA, Miyeko; SOUZA, Paula R.; PEREIRA, Milca S.; GIR, Elucir. Enterobactérias isoladas de baratas (Periplaneta americana) capturadas em um hospital brasileiro. Pan American Journal of Public Health, Washington, v. 11, n. 2, p. 93-97, 2002.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18107
Data de publicação: 2002
Aparece nas coleções:FEN - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Marinésia Aparecida Prado - 2002.pdf68,07 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons