Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18114
Tipo do documento: Artigo
Título: Os discursos e os dilemas da formação estética entre emancipação e barbárie
Título(s) alternativo(s): Narrative discourses and the dilemmas of aesthetic formation between emancipation and barbarism
Los discursos narrativos y los dilemas de la formacion estetica entre emancipacion y barbarie
Autor: Pereira, Márcia Torres
Resumo: O presente artigo objetiva uma discussão sobre as contribuições das narrativas verbais em prosa e não verbais na formação de sujeitos em seu sentido estético e propõe uma reflexão sobre os processos identificatórios e societários que sofrem interferências da indústria cultural, ancorada nos seguintes autores da teoria crítica da sociedade: Theodor Adorno (1903-1969) e Max Horkheimer (1895-1973). Considera-se a relação entre universal e particular, teoria e prática, forma e conteúdo, sujeito e objeto como procedimento metodológico da dialética negativa. Destacam-se neste texto os fenômenos que incidem sobre as (im)possibilidades de os sujeitos realizarem a experiência da reflexão no sentido de investigar e apresentar as condições que legitimam as narrativas com fins à emancipação e à barbárie.
Abstract: This article aims at discussing the contributions of verbal prose and nonverbal narratives in the formation of subjects in their aesthetic sense and is based on the reflection on the identification and societal processes that are interfered by the cultural industry, anchored in the following authors Theodor Adorno [1903-1969] and Max Horkheimer (1895-1973) of the Critical Theory of the Society, considering a relation between universal and particular, theory and practice, form and content, subject and object, as the methodological procedure of the negative dialectic. It highlights in this text the phenomena that affect the (im) possibilities of the subjects to realize the experience of the reflection in order to investigate and present the conditions that legitimize the narratives for the purpose of emancipation and barbarism.
Este artículo tiene el objetivo de discutir las contribuciones de las narraciones verbales, en prosa, y no verbales en la formación de sujetos, en su sentido estético, y pasa por la reflexión sobre los procesos identificatorios y societarios que sufren interferencias de la industria cultural. Se basa en autores de la teoría crítica de la sociedad, como Theodor Adorno [1903-1969] y Max Horkheimer [1895-1973]. Y, analiza la relación entre universal y particular, teoría y práctica, forma y contenido y sujeto y objeto, como procedimiento metodológico de la dialéctica negativa. En este texto, se destacan los fenómenos que recaen sobre las (im)posibilidades enfrentadas por los sujetos para realizar la experiencia de la reflexión, en el sentido de investigar y presentar las condiciones que legitiman las narrativas con fines a la emancipación y a la barbarie.
Palavras-chave: Narrativas
Emancipação
Barbárie
Indústria cultural
Narratives
Emancipation
Barbarism
Cultural industry
Emancipación
País: Brasil
Instituição: Diane Valdez
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Educação (FE) - RG
Citação: PEREIRA, Márcia Torres. Os discursos e os dilemas da formação estética entre emancipação e barbárie. Inter-Ação, Goiânia, v. 43, n. 2, p. 549-567, mai./ago. 2018. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/interacao/article/view/52466/26809.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5216/ia.v43i2.52466
Identificador do documento: 10.5216/ia.v43i2.52466
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18114
Data de publicação: Ago-2018
Aparece nas coleções:FE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Márcia Torres Pereira - 2018.pdf627,29 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons