Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18159
Tipo do documento: Artigo
Título: Perfil soroepidemiológico da infecção pelo vírus da hepatite B em profissionais das unidades de hemodiálise de Goiânia-Goiás, Brasil central
Título(s) alternativo(s): Seroepidemiological profile of hepatitis B infection in staff of hemodialysis units of Goiânia-Goiás, central Brazil
Autor: Lopes, Carmen Luci Rodrigues
Martins, Regina Maria Bringel
Teles, Sheila Araújo
Silva, Simone Almeida e
Maggi, Priscila Souza
Yoshida, Clara Fumiko Tachibana
Resumo: Para investigar o perfil da infecção pelo vírus da hepatite B (VHB) em profissionais de hemodiálise (N=152) de Goiânia, Goiás, amostras sangüíneas foram testadas para detecção dos marcadores: AgHBs, anti-HBs e anti-HBc. Uma prevalência global de 24,3% (IC 95%: 17,8 - 32) foi encontrada. A análise multivariada dos fatores de risco mostrou que o tempo de profissão, relato de exposição ocupacional e o não uso de equipamentos de proteção estiveram significativamente associados à soropositividade ao VHB. Dos 40 profissionais que apresentaram susceptibilidade a esta infecção, 20 concordaram em participar do programa de vacinação e, após a administração das três doses da vacina (Euvax-B), 18 (90%) apresentaram soroconversão ao anti-HBs com títulos ≥ 10UI/L. Estes dados sugerem, o ambiente dialítico, como possível fonte de transmissão ocupacional do VHB e, enfatizam a necessidade de reavaliação das medidas de controle e prevenção nestas unidades.
Abstract: In order to investigate the hepatitis B virus (HBV) infection profile in hemodialysis staff (n = 152) of Goiânia,Goiás, blood samples were tested for detection of HBsAg, anti-HBs and anti-HBc markers. An overall HBV infection prevalence of 24.3% (CI 95%: 17.8 - 32) was found. Multivariate analysis of risk factors showed that length of employment, history of occupational exposure and nonuse of protective equipment were significantly associated with HBV seropositivity. Of 40 staff members who were susceptible to this infection, 20 agreed to participate in the vaccination program. After three vaccine doses (Euvax-B), 18 (90%) seroconverted to antiHBs with titers ≥ 10 IU/L. These data suggest the dialytic environmental as a possible source of occupational transmission of HBV, and emphasize the need to evaluate strategies of control and prevention to be followed in these units.
Palavras-chave: Hepatite B
Vírus da hepatite B
Profissionais
Hemodiálise
Hepatitis B
Hepatitis B virus
Staff
Hemodialysi
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Citação: LOPES, Carmen Luci Rodrigues; MARTINS, Regina Maria Bringel; TELES, Sheila Araujo; SILVA, Simone Almeida e; MAGGI, Priscila Souza; YOSHIDA, Clara Fumiko Tachibana. Perfil soroepidemiológico da infecção pelo vírus da hepatite B em profissionais das unidades de hemodiálise de Goiânia-Goiás, Brasil Central. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, Uberaba, v. 34, n. 6, p. 543-548, nov./dez. 2001.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0037-86822001000600008
Identificador do documento: 10.1590/S0037-86822001000600008
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18159
Data de publicação: Dez-2001
Aparece nas coleções:FEN - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Carmen Luci Rodrigues Lopes - 2001.pdf685,58 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons