Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18171
Tipo do documento: Artigo
Título: Hipertensão arterial e alguns fatores de risco em uma capital brasileira
Título(s) alternativo(s): High blood pressure and some risk factors in a brazilian capital
Autor: Jardim, Paulo César Brandão Veiga
Peixoto, Maria do Rosario Gondim
Monego, Estelamaris Tronco
Moreira, Humberto Graner
Vitorino, Priscila Valverde de Oliveira
Souza, Weimar Kunz Sebba Barroso de
Scala, Luiz César Nazário
Resumo: Objetivo: Estimar a prevalência da hipertensão arterial (HA) e de alguns fatores de risco cardiovasculares na população adulta de uma capital brasileira. Métodos: Estudo descritivo, observacional e transversal, de base populacional, fundamentado em inquérito domiciliar de amostra aleatória simples (>18a). Questionários padronizados, colhidas informações sociodemográficas, realizadas medidas de PA (duas tomadas), peso, altura, circunferência abdominal. Dados armazenados (programa Microsoft Access) e analisados através do programa Epi Info 6. Foi considerada última medida da PA (critério de HA ±140x90 mmHg). Resultados: Avaliamos 1.739 pessoas (87% do previsto). Predomínio do sexo feminino (65,4%), média de idade de 39,7 anos (±15,6). A prevalência de HA foi de 36,4%, sendo maior entre homens (41,8%) que entre mulheres (31,8%). Encontrada correlação positiva da HA com IMC, circunferência da cintura (CC) e faixa etária, enquanto o sexo feminino representou fator de proteção para o risco de hipertensão. Prevalência de sobrepeso 30,0% e de obesidade 13,6%. Sobrepeso maior entre as mulheres e obesidade entre os homens. Tabagismo teve prevalência de 20,1%, mais freqüente entre homens (27,1%) que entre mulheres (16,4%). Sedentarismo presente em 62,3% da população, sem diferenças entre os sexos. Hábito da ingestão regular de bebidas alcoólicas em 44,4% dos indivíduos, mais freqüente entre homens. Conclusão: Indicadores de HA e de outros fatores de risco cardiovascular (em particular sobrepeso/obesidade) mostram- se elevados. Esses dados reforçam a necessidade da implementação de medidas objetivas em âmbito nacional, visando combater esses agravos à saúde, com vistas à redução da morbidade e mortalidade por DCV.
Abstract: Objectives: Estimate the prevalence of hypertension and some cardiovascular risk factors in the adult population of a major city in Brazil. Methods: Descriptive, observational, transversal population-based study substantiated by the home survey of a simple random sample (>18 years old). Standardized questionnaires were used to obtain sociodemographic information, measurements of blood pressure (2 measurements), weight, height, and abdominal circumference (AC). Microsoft Access and Epi Info 6 were used for data storage and analysis, respectively. The last blood pressure reading was used (hypertension: BP≥140x90mmHg). Results: The study evaluated 1,739 individuals (87% of the estimated sample). There was a predominance of females (65.4%) and mean age was 39.7 years (±15.6); arterial hypertension prevalence was 36.4%, higher for the male population (41.8%) when compared to females (31.8%). Correlation between Hypertension and Body Mass Index was positive, as well as with AC and age. The female gender and higher income were protective factors against hypertension. There was no correlation with schooling. Prevalence of overweight and obesity were 30.0% and 13.6%, respectively; overweight was higher among females and obesity among males. The prevalence of smoking was 20.1%, more frequent among males (27.1%), when compared to females (16.4%). A sedentary lifestyle was observed in 62.3% of the population, with no difference between the genders. Regular alcohol consumption was reported by 44.4% of the individuals, being more frequent in males. Conclusion: Hypertension and other cardiovascular risk factors (particularly overweight/obesity) indicators are high, reinforcing the need for objective nationwide measures to fight this disease, in order to reduce CVD morbidity and mortality.
Palavras-chave: Epidemiology of hypertension
High blood pressure
Blood pressure
Cardiovascular risk factors
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de Medicina - FM (RG)
Citação: JARDIM, Paulo César B. Veiga et al. Hipertensão arterial e alguns fatores de risco em uma capital brasileira. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, Rio de Janeiro, v. 88, n. 4, p. 452-457, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0066-782X2007000400015
Identificador do documento: 10.1590/S0066-782X2007000400015
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18171
Data de publicação: 2007
Aparece nas coleções:FM - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Paulo César Brandão Veiga Jardim - 2007.pdf257,63 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons