Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18252
Tipo do documento: Artigo
Título: Caracterização da passagem de plantão entre o centro cirúrgico e a unidade de terapia intensiva
Título(s) alternativo(s): Characterization of handover from the surgical center to the intensive care unit
Caracterización del cambio de guardia entre el centro quirúrgico y la unidad de terapia intensiva
Autor: Bueno, Bárbara Ribeiro Miquelin
Moraes, Suzana Soares de
Suzuki, Karina
Gonçalves, Fernanda Alves Ferreira
Barreto, Regiane Aparecida dos Santos Soares
Gebrim, Cyanéa Ferreira Lima
Resumo: A passagem de plantão deve conter todas as informações indispensáveis para continuidade da assistência. Falhas nesse processo podem prejudicar a segurança do paciente, levando a um tratamento inadequado e com potencial perigo. O objetivo deste estudo foi caracterizar a passagem de plantão entre o Centro Cirúrgico e a Unidade de Terapia Intensiva. Estudo descritivo e transversal, realizado na Unidade de Terapia Intensiva adulto de um hospital escola no município de Goiânia – Goiás, no período de maio a agosto de 2014. Os dados foram coletados por meio de um checklist dividido em quatro categorias contendo informações referentes à identificação, procedimento realizado, condições clínicas e cuidados pós-operatórios. A maioria das informações do checklist não foi repassada para a equipe da Unidade de Terapia Intensiva. Espera-se que os dados apresentados contribuam para criação de estratégias seguras e fortaleçam o comprometimento dos profissionais com a qualidade das informações transmitidas durante a passagem de plantão.
Abstract: The handover process must contain all the necessary information for continuing care. Ineffective handover process, with loss of information can be a risk to patient safety. The present study aimed to characterize the handover process from the Surgical Center and the Intensive Care Unit. Descriptive cross-sectional study conducted at an adult Intensive Care Unit of a teaching hospital in the city of de Goiânia – Goiás, from May to August 2014. Data was collected through a checklist divided into four categories containing information related to patient identification, procedure performed, clinical status and postoperative care. A great deal of information of the checklist was not transferred to the Intensive Care Unit staff. We expect that the data provided here contribute to the creation of safe strategies and strengthen the commitment of health professionals with the quality of the information transmitted during the handover process.
El cambio de guardia debe contener todas las informaciones indispensables para continuidad de la asistencia. Errores en ese proceso pueden perjudicar la seguridad del paciente, llevando a un tratamiento inadecuado y con potencial peligro. El objetivo de este estudio fue caracterizar cambio de guardia entre el Centro Quirúrgico y la Unidad de Terapia Intensiva. Estudio descriptivo y transversal, realizado en la Unidad de Terapia Intensiva de adultos de un hospital escuela en municipio de Goiânia – Goiás, en el periodo de mayo a agosto de 2014. Los datos fueron obtenidos por medio de un checklist dividido en cuatro categorías que contienen informaciones referentes a identificación, procedimiento realizado, condiciones clínicas y cuidatos posoperatorios. La mayoría de las informaciones del checklist no fue comunicada al equipo de la Unidad de Terapia Intensiva. Es esencial que los datos presentados puedan contribuir para la creación de estrategias seguras y fortalezcan el comprometimiento de los profesionales con la cualidad de las informaciones comunicadas durante el cambio de guardia.
Palavras-chave: Comunicação
Enfermagem
Segurança do paciente
Communication
Nursing
Patient safety
Intensive care
Comunicación
Enfermería
Seguridad del paciente
Cuidados intensivos
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Citação: BUENO, Bárbara Ribeiro Miquelin et al. Caracterização da passagem de plantão entre o centro cirúrgico e a unidade de terapia intensiva. Cogitare Enfermagem, Curitiba, v. 20, n. 3, p. 512-518, jul./set. 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5380/ce.v20i3.40274
Identificador do documento: 10.5380/ce.v20i3.40274
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18252
Data de publicação: Set-2015
Aparece nas coleções:FEN - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Bárbara Ribeiro Miquelin Bueno - 2015.pdf130,78 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons