Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18373
Tipo do documento: Artigo
Título: As cenas independentes e a música ao vivo: elementos da nova configuração da música na atualidade
Título(s) alternativo(s): The independent scenes and live music: elements of the new configuration of music in the present time
Autor: Benevides, Rubens de Freitas
Resumo: A música foi reconfigurada a partir da década de 1990 em suas mais diversas formas, que vão desde os sentidos que adquirem para as audiências até as formas de criação e execução. A partir das seguidas mudanças de formato nos suportes musicais, chegando às atuais plataformas de streaming, as formas de atualização tecnológica usadas para audição musical impactaram fortemente os centros econômicos da indústria fonográfica. O resultado deste impacto foi uma crise que durou mais de uma década e uma alteração sensível dos sentidos da música, que passaram a ter como sentido forte a política. No estado de Goiás, no Brasil e em todo o mundo a reconfiguração das formas industriais da música teve como consequência o crescimento das atividades de apresentações ao vivo. Publicações especializadas expressam esse fato em nível global. A partir de levantamento de dados em meio virtual (Internet, redes sociais, listas de e-mails, etc.), no período de 2011 a 2013, pudemos observar esse fato junto às cenas de música independente no país. Elas são o locus da música ao vivo através da produção dos festivais.
Abstract: Music was reconfigured from the 1990s in its most diverse forms, ranging from the meanings they acquire for audiences to the ways of creation and execution. From the subsequent format changes in musical media to current streaming platforms, the forms of technology update used for music listening have strongly impacted the economic centers of the music industry. The result of this impact was a crisis that lasted more than a decade and a significant change in the meanings of music, becoming more focused on politics. In the state of Goiás, in Brazil and around the world, the reconfiguration of the industrial forms of music has resulted in the growth of live performance activities. Specialized publications express this fact globally. From data collection in virtual environment (Internet, social networks, mailing lists, etc.) from 2011 to 2013, we could observe this fact with the independent music scenes in the country. These are the locus of live music through the production of festivals.
La música fue reconfigurada a partir de la década de 1990 en sus más diversas formas, que van desde los sentidos que adquieren para las audiencias hasta las formas de creación y ejecución. A partir de los seguidos cambios de formato en los soportes musicales, llegando a las actuales plataformas de streaming, las formas de actualización tecnológica usadas para audición musical han impactado fuertemente los centros económicos de la industria discográfica. El resultado de este impacto fue una crisis que duró más de una década y una alteración sensible de los sentidos de la música, que pasaron a tener como sentido fuerte la política. En el estado de Goiás, en Brasil y en todo el mundo la reconfiguración de las formas industriales de la música tuvo como consecuencia el crecimiento de las actividades de presentaciones en vivo. Las publicaciones especializadas expresan ese hecho en ámbito global. A partir del levantamiento de datos en medio virtual (Internet, redes sociales, listas de correos electrónicos, etc.), realizado en el período de 2011 a 2013, pudimos observar ese hecho junto a las escenas de la música independiente en el país. Ellas son el locus de la música en vivo a través de la producción de los festivales.
Palavras-chave: Música independente
Digital
Apresentações ao vivo
Crise da indústria fonográfica
Política
Independent music
Digital
Live performances
Music industry crisis
Politics
Música independiente
Digital
Presentaciones en vivo
Crisis de la industria discográfica
Política
País: Brasil
Instituição: Tania Ludmila Dias Tosta
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Ciências Sociais (FCS) - RG
Citação: BENEVIDES, Rubens de Freitas. As cenas independentes e a música ao vivo: elementos da nova configuração da música na atualidade. Sociedade e Cultura, Goiânia, v. 22, n. 2, p. 25-44, ago./dez. 2019. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/fchf/article/view/58393/33039.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5216/sec.v22i2.58393
Identificador do documento: 10.5216/sec.v22i2.58393
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18373
Data de publicação: Dez-2019
Aparece nas coleções:FCS - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Rubens de Freitas Benevides - 2019.pdf178,34 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons