Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18377
Tipo do documento: Artigo
Título: Influência da suplementação de creatina na capacidade funcional de pacientes com insuficiência cardíaca
Título(s) alternativo(s): Influence of creatine supplementation on the functional capacity of patients with heart failure
Autor: Carvalho, Ana Paula Perillo Ferreira
Rassi, Salvador
Fontana, Keila Elizabeth
Correa, Krislainy de Sousa
Feitosa, Roberta Helena Fernandes
Resumo: Fundamento: A Insuficiência Cardíaca (IC) é uma síndrome complexa, marcada pela intolerância ao esforço e perda da capacidade funcional. Objetivo: Avaliar a capacidade funcional dos pacientes com IC suplementados com creatina. Métodos: Estudo prospectivo, randomizado, duplo cego. Foram randomizados em dois grupos 33 pacientes com IC, com idade > 18 anos, sexo masculino, classes funcionais II a IV. O grupo experimental (G CRE, n = 17) foi suplementado com creatina com dose de 5 g por dia durante seis meses. E o grupo placebo (G PLA, n = 16) recebeu 5 g de maltodextrina por dia durante o mesmo período de tempo. Ambos os grupos foram submetidos a avaliação da capacidade funcional por meio da ergoespirometria e teste de caminhada de seis minutos (TC6) pré e pós-intervenção. O modelo estatístico Ancova e a correlação de Pearson foram utilizados na análise dos grupos e nas formas de tratamento. Resultados: Das variáveis avaliadas na ergoespirometria, o volume de oxigênio pico (VO 2 pico), limiar anaeróbio (LA) e o pulso de oxigênio (pulso de O 2 ) não apresentaram diferenças significativas entre os grupos (p>0,05). No TC6 não houve diferença significativa na distância percorrida. Conclusão: A suplementação de creatina em pacientes com IC não promoveu melhora significativa na capacidade funcional.
Abstract: Background: Heart failure (HF) is a complex syndrome characterized by intolerance to exertion and reduced functional capacity. Objective: To assess the functional capacity of patients with HF and supplemented with creatine. Methods: Prospective, randomized, double-blind study. Thirty-three male patients over the age of 18 years with functional class II to IV HF were randomized into two groups as follows: the experimental group (CRE, n = 17), supplemented with 5 g/day of creatine for six months; and the placebo group (PLA, n = 16), receiving 5 g/day of maltodextrin for that same period. Both groups underwent functional capacity assessment by use of cardiopulmonary exercise test and 6-minute walk test (6MWT) before and after the intervention. The Ancova statistical model and Pearson correlation were used to assess the groups and the treatment. Results: Of the variables assessed on the cardiopulmonary exercise test, peak oxygen consumption (peak VO 2 ), anaerobic threshold (AT), and oxygen pulse (O 2 pulse) showed no significant differences between the groups (p>0.05). On the 6MWT, no significant difference was observed in the covered distance. Conclusion: Creatine supplementation in patients with HF did not significantly improve functional capacity.
Palavras-chave: Insuficiência cardíaca
Creatina
Suplementação alimentar
Teste de esforço
Heart failure
Exercise test
Creatine
Supplementary feeding
País: Brasil
Unidade acadêmica: Faculdade de Medicina - FM (RG)
Citação: CARVALHO, Ana Paula Perillo Ferreira et al. Influência da suplementação de creatina na capacidade funcional de pacientes com insuficiência cardíaca. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, São Paulo, v. 99, n. 1, p. 623-629, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0066-782X2012005000056
Identificador do documento: 10.1590/S0066-782X2012005000056
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18377
Data de publicação: 2012
Aparece nas coleções:FM - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Ana Paula Perillo Ferreira Carvalho - 2012.pdf451,71 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons