Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18719
Tipo do documento: Artigo
Título: Genetic variability and yield potential of three semiexotic maize (Zea mays L.) populations
Título(s) alternativo(s): Variabilidade genética e potencial produtivo em três populações semiexóticas de milho (Zea mays L.)
Autor: Oliveira, Aurilene Santos
Reis, Edésio Fialho dos
Miranda Filho, Jose Branco de
Mendes, Udenys Cabral
Rodrigues, Luana de Oliveira
Resumo: O rápido aumento da cultura do milho nas últimas décadas no Brasil, principalmente na região Centro-oeste, causou incentivo para o milho “safrinha” (segunda cultura, geralmente milho após soja) no mesmo ano agrícola. Por esta razão, a necessidade de explorar novas fontes de germoplasma parece óbvia para atender ao desafio de criar novas cultivares (populações ou híbridos) adaptadas aos ambientes extremamente variáveis. Seguindo esta diretriz, o objetivo do presente trabalho foi direcionado ao estudo da variabilidade e do potencial produtivo de três populações semiexóticas (CRE-01, CRE-02, CRE-03) sob a condição de cultura de “safrinha” na região Sudoeste do Estado de Goiás (Brasil). Além disso, foi completado um ciclo de seleção recorrente com famílias de meios irmãos em cada população. As famílias de meios irmãos de cada população (200, 180 e 180, respectivamente) foram avaliadas experimentalmente em blocos casualizados com três repetições em Jataí (GO). Foram obtidas estimativas de parâmetros para produção de espigas (EY) e de grãos (GY), altura da planta (PH) e da espiga (EH) e comprimento (EL) e diâmetro (ED) da espiga. As médias populacionais para GY foram, respectivamente, 5,68 t/ha, 5,83 t/ha e 5.83 t/ha, equivalendo a cerca de 70% do híbrido testemunha. Os coeficientes de herdabilidade (médias de famílias) variaram de 0,36 a 0,70; 0,47 a 0,69; 0.39 a 0,68 para as respectivas populações. As estimativas da variância aditiva para produção de grãos (g/planta) foram 316,1; 266,4 e 258,4; e os ganhos esperados por seleção foram de 11,8%, 10,1% e 9.3%, respectivamente, para as três populações.
Abstract: The rapid increase of the maize crop in the last decades in Brazil, mainly in the Central West region, has encouraged the second crop (usually maize after soybean) in the same year. For that reason the need for the exploitation of new sources of germplasm seems to be apparent to attend the challenge to create new cultivars (populations or hybrids) adapted to the extremely varying environments. Following this principle, the objective of the present work was directed to the study of genetic variability and yield potential of three semiexotic populations (CRE-01, CRE-02, CRE-03) under the condition of second crop in the Southwest region of the State of Goiás (Brazil). In addition, one cycle of recurrent selection with half-sib families was completed in each population. Half-sib families from each population (200, 180 and 180, respectively) were evaluated in completely randomized block experiments with three replications in Jataí (GO). Parameters estimates were obtained for ear yield (EY), grain yield (GY), plant height (PH), ear height (EH), ear length (EL) and ear diameter (ED). The population means for GY were 5.68 t/ha, 5.83 t/ha and 5.83 t/ha, which were around 70% of the hybrid check. The coefficients of heritability (family mean basis) varied from 0.36 to 0.70; 0.47 to 0.69; and 0.39 to 0.68 for the respective populations. Estimates of the additive genetic variance for grain yield (g/plant) were 316.1, 266.4 and 258.4; and the expected gain from selection were 11.8%, 10.1% and 9.3%, respectively.
Palavras-chave: Exotic germplasm
Genetic parameters
Recurrent selection
Zea mays
Germoplasma exótico
Parâmetros genéticos
Seleção recorrente
País: Brasil
Unidade acadêmica: Escola de Agronomia - EA (RG)
Citação: OLIVEIRA, Aurilene Santos et al. Genetic variability and yield potential of three semiexotic maize (Zea mays L.) populations. Bioscience Journal, Uberlândia, v. 31, n. 6, p. 1609-1617, Nov./Dec. 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.14393/BJ-v31n6a2015-28783
Identificador do documento: 10.14393/BJ-v31n6a2015-28783
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/18719
Data de publicação: Dez-2015
Aparece nas coleções:EA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Aurilene Santos Oliveira - 2015.pdf138,56 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons