Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/4290
Tipo do documento: Monografia
Título: Biblioterapia: percepção dos bibliotecários de Goiânia
Autor: Machado, Deísa Divina da Silva
Primeiro orientador: Gasque, Kelley Cristine Gonçalves Dias
Primeiro membro da banca: Gasque, Kelley Cristine Gonçalves Dias
Garbelini, Maria de Fátima
Resumo: O presente trabalho verifica a percepção dos bibliotecários de Goiânia sobre a Biblioterapia. Os conceitos existentes e sua origem são pesquisados em várias fontes de informação, visto que o tema é pouco conhecido. A coleta de dados ocorre por meio do questionário com questões abertas, fechadas e de múltiplas escolhas. A amostra é composta por bibliotecários de Goiânia atuantes em bibliotecas, escolares, universitárias, públicas e especializadas. O objetivo é ter compreensão mais ampla da percepção deles sobre a biblioterapia. Os resultados da pesquisa evidenciam que maior parte dos profissionais bibliotecários de Goiânia conhecem a biblioterapia e tem interesse em trabalhar com o tema, no entanto não tem experiências na área o que, talvez ,dificulte a implantação da prática na cidade. Apesar de a biblioterapia ser conhecida superficialmente, pode-se constituir em novo campo de atuação dos bibliotecários. Para tanto, as Universidades Brasileiras de Biblioteconomia precisam inserir nos currículos dos cursos disciplinas que tratam da questão, para que os bibliotecários possam se tornar precursores de novas atitudes, favorecendo que a leitura auxilie as pessoas a terem mais conhecimento sobre o mundo e sobre si mesmas.
Abstract: This study concerns the perception of librarians Goiania on bibliotherapy. The existing concepts are studied and their origin in various sources of information, since the subject is little known. Data collection occurs through the questionnaire with open, closed and multiple choices. The sample consists of librarians working in libraries in Goiânia, school, university, public and specialized. The objective of the research is to have broader understanding of their perception of bibliotherapy. The survey results show that most librarians know Goiania bibliotherapy and are interested in working with the subject, however they don’t have experience in the field, that maybe impede the implementation of the practice in the city. Although bibliotherapy be known superficially, can constitute new work of librarians. For this, the Brazilian Universities of librarianship need to join in the curriculum subjects that deal with the issue so that librarians can become precursors of new attitudes, favoring that reading helps people to have more knowledge about the world and about themselves
Palavras-chave: Biblioterapia
Bibliotecários
Percepção
Goiânia
Bibliotherapy
Librarians
Perception
País: brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Informação e Comunicação (RG)
Nome do curso: Biblioteconomia (RG)
Citação: MACHADO, Deísa Divina da Silva. Biblioterapia : percepção dos bibliotecários de Goiânia. 2010. 70 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Faculdade de Informação e Comunicação, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2010.
Tipo de acesso: Acesso aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/4290
Data de publicação: 2010
Aparece nas coleções:FIC - Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCCG-BIBLIOTECONOMIA-DEISA MACHADO.pdf578,6 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.