Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/4433
Tipo do documento: Monografia
Título: A investigação e o resgate do dever social do jornalismo: um estudo de reportagens investigativas publicadas em série pelo jornal O Popular e pela revista Isto é
Autor: Soares, Eduardo Gomes
Primeiro orientador: Pereira, Angelita
Primeiro membro da banca: Pereira, Angelita
Maia, Juarez
Resumo: Este trabalho apresenta a análise de duas séries de denúncias – uma publicada pela revista IstoÉ e a outra pelo jornal O Popular. O primeiro impresso expõe uma máfia, composta por funcionários de alto escalão da Secretaria de Fazenda do Rio de Janeiro, que extorquia empresários devedores do fisco; enquanto o segundo denuncia um esquema de aliciamento e tráfico internacional de mulheres goianas. O exame teve como objetivo não somente verificar o cunho investigativo das matérias, mas a partir das mesmas, realizar uma análise de todo o procedimento adotado pelos jornalistas – e pelas empresas nas quais os mesmos representavam –, desde a apuração dos fatos e o fechamento do texto até a publicação das notícias. Além disso, como uma forma de enriquecer o material de estudo, foram realizadas entrevistas com os jornalistas-autores das reportagens – uma alternativa encontrada para levantar informações dos bastidores enquanto os repórteres ainda realizavam a apuração dos fatos. Todo esse procedimento foi adotado para cumprir com o objetivo deste trabalho, que concentra esforços, antes de tudo, na busca de parâmetros que validam o Jornalismo Investigativo como categoria responsável por resgatar as práticas investigativas da essência do Jornalismo. E para tanto, o presente trabalho apresenta o Jornalismo Investigativo e suas principais características definidoras; retrata ainda as diferentes visões acerca do assunto e expõe o pensamento de teóricos e profissionais da área que negam a utilização do termo, pois sentenciam que todo Jornalismo é atividade imprescindivelmente investigativa. Por outro lado, a pesquisa também aponta alguns profissionais que assumem o gênero e o distinguem de outras categorias. Para a confirmação de intuições e o cumprimento de todas as finalidades propostas, o seguinte trabalho acolheu o estudo de caso, além de uma entrevista com os repórteres das matérias já destacadas; como opções metodológicas mais adequadas para apuração. Foram levantadas e analisadas três questões após a leitura das matérias (cinco do jornal O Popular e duas da revista IstoÉ): a primeira foi a de verificar como uma apuração jornalística pode tornar-se um trabalho investigativo. Em seguida, foi analisada a possibilidade de o Jornalismo Investigativo figurar uma modalidade capaz de resgatar a essência do Jornalismo. E, por fim, foi apurado se esta modalidade pode também representar um trabalho de interesse dos cidadãos e se um jornalista pode ignorar alguns preceitos éticos para descobrir um fato, mesmo que este seja de interesse da sociedade. As proposições receberam indícios suficientes para comprovação, mas o debate continua pertinente.
Palavras-chave: Investigativo
Denúncia
Ética jornalística
País: brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Informação e Comunicação (RG)
Nome do curso: Jornalismo (RG)
Citação: SOARES, Eduardo Gomes. A investigação e o resgate do dever social do jornalismo: um estudo de reportagens investigativas publicadas em série pelo jornal O Popular e pela revista Isto é. 2007. 96 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Faculdade de Informação e Comunicação, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2007.
Tipo de acesso: Acesso aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/4433
Data de publicação: 2007
Aparece nas coleções:FIC - Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCCG - JORNALISMO - EDUARDO GOMES SOARES.pdfTrabalho de Conclusão de Curso - Artigo Principal5,05 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons