Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/449
Tipo do documento: Article
Título: O novo consenso macroeconômico e alguns insights da crítica heterodoxa
Autor: Teixeira, Anderson Mutter
Missio, Fabrício José
Abstract: O objetivo deste trabalho é fazer um survey dos principais papers e argumentos que compem o chamado “novo” consenso macroeconomico, a fim de elucidar o que alguns autores apresentam como uma nova etapa da História do Pensamento Econômico. Nesse caso, destacam-se os principais esforços na busca pela convergência entre as distintas teorias que suportam essa abordagem, bem como os princiapais autores que defedem ser essa convergência não so possível, mas desejável. Posteriormente, são sumarizados alguns insights da critica heterodoxa, em especial, as de cunho pós-keynesiano. Sendo assim, o trabalho amplia a discussao proposta, nesta revista, por Arestis e Sawyer (2008). Observa-se aind que grande parte das criticas feitas a este novo consenso são as mesmas que permiam o debate entre Keynes e os (neo) classicos em meados da primeira metade do seculo XX. Por fim, as conclusões apontam no sentido de mostrar a necessidade de consolidar um construto teórico mais bem articulado para ambas as abordagens.
Palavras-chave: Consenso macroeconômico
Crítica heterodoxa
Política econômica
Unidade acadêmica: Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas - FACE (RG)
Citação: TEIXEIRA, Anderson Mutter; MISSIO, Fabrício José. O novo consenso macroeconômico e alguns insights da crítica heterodoxa. Economia e Sociedade, Campinas, v. 20, .n 2, p. 273-297, ago. 2011.
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/449
Data de publicação: Ago-2011
Aparece nas coleções:FACE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
O novo consenso macroeconômico e alguns insights da crítica heterodoxa.pdf488,73 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.