Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/82
Tipo do documento: Artigo publicado em periódico científico
Título: Estresse no processo de parturição
Título(s) alternativo(s): Stress of the parturition process
Estrés en el proceso del parto
Autor: ALMEIDA, Nilza Alves Marques
Abstract: Este estudo, de caráter descritivo, objetivou identificar os fatores causadores do estresse no processo de parturição. Realizou-se uma entrevista individual com 42 puérperas que tiveram parto normal em uma maternidade pública de Goiânia-GO, Brasil. Constatou-se que os fatores causadores de estresse estão relacionados com o ambiente, a assistência e a fisiologia da parturição. Como fator causador de estresse relacionado ao ambiente foi referida as características da enfermaria de pré-parto, como a falta de privacidade (50%) e banheiro coletivo (31%); na assistência foi referido o toque vaginal(62%) e a epsiorrafia (45%) e quanto a fisiologia da parturição foi referida a contração uterina (90%), a fadiga (74%), a dor na região lombar e sacral (71%) e a necessidade de repouso (74%). Concluiu-se que o enfermeiro deve conhecer e compreender os fatores socioculturais, ambientais, assistenciais e da fisiologia da parturição, causadores de estresse no processo de parturição, a fim de promover assistência obstétrica humanizada e integral. _______________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT _______________________________________________________________________________________________________________________ This descriptive study identified the stress factors of the parturition process. It was developed by an individual interview with 42 puerperal women whose has had abnormal childbirth in a public maternity ward in Goiânia-GO, Brazil. We concluded that the factors that cause stress are related with the environment, the assistance, and the parturition physiology. The environment factors that caused stress, due to characteristics of infirmary of pre childbirth were the no privacy (50%) and the collective bathroom (31%); by the assistance were related the gynecology exam (62%) and the epsiorraphy (45%); and by the parturition physiology, were related the uterine contraction (90%), the tiredness (74%), the ache at the sacral and lumbar region (71%) and the repose necessity (74%). In short, the nurse must know and comprehend the social and cultural, environmental, aid and parturition physiology factors, responsible for the stress of the parturition process, to promote human and total obstetric assistance.
Palavras-chave: Estresse
Parto obstétrico
Enfermagem obstétrica
Citação: ALMEIDA, Nilza Alves Marques. Estresse no processo de parturição. Revista Eletrônica de Enfermagem, Goiânia,GO, v. 7, n. 1, p. 87-94, 2005. Disponível em:<http://www.fen.ufg.br/revista/revista7_1/original_09.html>.
Tipo de acesso: Open Access
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/82
Data de publicação: 30-Abr-2005
Aparece nas coleções:FEN - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
estresse_1027.pdf111,19 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons