Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/10285
Tipo do documento: Dissertação
Título: Conhecimento de profissionais e trabalhadores da saúde sobre o processo de doação e transplante de órgãos e tecidos
Título(s) alternativo(s): Knowledge of health professionals and workers about the organ and tissue donation and transplantation process
Autor: Calixto, Anaian Carla Vieira
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/2540811908752925
Primeiro orientador: Barreto, Regiane Aparecida dos Santos Soares
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/4032250808062336
Primeiro membro da banca: Barreto, Regiane Aparecida dos Santos Soares
Segundo membro da banca: Cordeiro, Jacqueline Andreia Bernardes Leão
Terceiro membro da banca: Suzuki, Karina
Quarto membro da banca: Pagotto, Valéria
Quinto membro da banca: Gonçalves, Fernanda Alves Ferreira
Resumo: O número de transplantes tem aumentado consideravelmente nos últimos anos, porém ainda existem inúmeras barreiras e dificuldades a ser enfrentadas. Sabe-se que a população carece de números consideráveis de doadores efetivos de órgãos e tecidos. Sendo fundamental que a equipe multiprofissional assistente nessa área seja capacitada e treinada constantemente. O objetivo deste estudo foi analisar o conhecimento de profissionais e trabalhadores da saúde sobre doação e transplante de órgãos e tecidos. Entre julho de 2018 a janeiro de 2019, um estudo transversal analítico com abordagem quantitativa foi conduzido com 250 profissionais e trabalhadores da área da saúde. A coleta de dados foi realizada por meio de um questionário estruturado com 18 questões fechadas relacionadas ao conhecimento dos profissionais e trabalhadores da saúde sobre os aspectos da doação e transplante de órgãos e tecidos do Brasil elaborado por pesquisadores como Freire. Os dados coletados foram analisados no software STATA, versão 12.0. A maior parte dos participantes demonstrou ter conhecimento a respeito sobre a não obrigatoriedade da doação, não comercialização de órgãos e tecidos no país, doador falecido com coração batendo, doador falecido com coração parado e conceito de morte encefálica. Os participantes não demonstraram conhecimento sobre o conceito de doador vivo. Poucos profissionais afirmaram intenção de doação. Houve associação para a intenção de doar no sexo feminino, nos participantes com maior escolaridade e naqueles que afirmaram renda mensal maior. Houve associação para a intenção de doar nos participantes que souberam responder corretamente sobre avisar a família como critério para ser doador, não comercialização de órgãos e tecidos no país, conceito de doador falecido com o coração batendo, e existência do Sistema Nacional de Transplantes e naqueles participantes que não souberam responder o conceito de doador vivo. Embora a doação de órgãos e tecidos seja um tema presente no cotidiano atual, ainda é pouco compreendido pela população geral e pelos profissionais e trabalhadores da saúde em consequência de diversos motivos e paradigmas culturalmente arrastados por anos citados ao longo deste estudo. Fica evidente a necessidade de aumentar a conscientização junto com a implementação de programas educacionais entre os profissionais de saúde sobre doação e transplante de órgãos.
Abstract: The number of transplants has increased considerably in recent years, but there are still numerous barriers and difficulties to be faced. The population is known to lack considerable numbers of effective organ and tissue donors. It is essential that the multiprofessional assistant team in this area is constantly trained and trained. The aim of this study was to analyze the knowledge of health professionals and workers about organ and tissue donation and transplantation. From July 2018 to January 2019 a quantitative cross-sectional analytical study was conducted with 250 health professionals and workers. Data collection was performed through a structured questionnaire with 18 closed questions related to the knowledge of health professionals and workers about the aspects of organ and tissue donation and transplantation in Brazil prepared by the researchers Freire et al. The collected data were analyzed using STATA software, version 12.0. Most participants demonstrated knowledge about the non-obligatory donation, non-commercialization of organs and tissues in the country, deceased donor with beating heart, deceased donor with stopped heart and concept of ME. Participants showed no knowledge of the concept of living donor. Few professionals have stated intention to donate. There was an association between the intention to donate in females, participants with higher education and those who reported higher monthly income. There was an association with the intention to donate in the participants who were able to answer correctly about informing the family as a criterion to be a donor, non-commercialization of organs and tissues in the country, the concept of a deceased donor with a beating heart, and the existence of the National Transplant System and in those. participants who could not respond to the concept of living donor. Although organ and tissue donation is a current theme, it is still poorly understood by the general population and by health professionals and workers as a result of several cultural reasons and paradigms dragged on for years cited throughout this study. The need to raise awareness along with the implementation of educational programs among health professionals on organ donation and transplantation is evident.
Palavras-chave: Doação de órgãos
Enfermagem
Morte encefálica
Transplante
Organ donation
Nursing
Brain death
Transplant
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Enfermagem (FEN)
Citação: CALIXTO, A. C. V. Conhecimento de profissionais e trabalhadores da saúde sobre o processo de doação e transplante de órgãos e tecidos. 2019. 91 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/10285
Data de defesa: 4-Dez-2019
Aparece nas coleções:Mestrado em Enfermagem (FEN)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Anaian Carla Vieira Calixto - 2019.pdf1,66 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons