Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12318
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorRibeiro, Dinalva Donizete-
dc.creatorRibeiro, Welington Martins-
dc.date.accessioned2017-08-23T12:06:02Z-
dc.date.available2017-08-23T12:06:02Z-
dc.date.issued2017-07-
dc.identifier.citationRIBEIRO, Dinalva Donizete; RIBEIRO, Welington Martins. Nossa forma de produzir: estudo de variedades crioulas em sítios camponeses de Orizona e Vianópolis – Go. Geoambiente-on-line, Jataí, n.28, jan./jul. 2017. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/geoambiente/article/view/45009/23275>.pt_BR
dc.identifier.issne- 1679-9860-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12318-
dc.description.abstractCommunities and peasant groups produce heirloom seeds, seedlings, and breeds, which facilitates (re)production of families on their small farms. It is through heirloom varieties that agrobiodiversity increases, and many of these foods both satisfy biological needs and have sociocultural significance for the Communities. The traditional knowledge involved in their production systems is preserved, updated, and transmitted. We studied heirloom varieties, their forms of cultivation, and creation in the Taquaral and Santana Communities, in Orizona and Vianópolis, Goias. There the presence was verified of two groups of heirloom varieties and the adoption of agroecological principles, such as productive consortium, succession of crops, and the use of agroecological corridors in the production process.pt_BR
dc.description.sponsorshipUFGpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherJoão Batista Pereira Cabralpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectVariedades crioulaspt_BR
dc.subjectProdução agroecológicapt_BR
dc.subjectCampesinatopt_BR
dc.subjectHeirloom varietiespt_BR
dc.subjectAgroecological productionpt_BR
dc.subjectPeasantrypt_BR
dc.titleNossa forma de produzir: estudo de variedades crioulas em sítios camponeses de Orizona e Vianópolis – Gopt_BR
dc.title.alternativeOur way to produce: study of heirloom varieties on small peasant farms of Orizona and Vianópolis, GOpt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoA produção de sementes, mudas e raças crioulas está presente na realidade das Co-munidades e dos grupos camponeses facilitando a (re)produção das famílias em seus sítios. É por meio das variedades crioulas que há o incremento da agrobiodiversidade; que são produ-zidos muitos dos alimentos que atendem às necessidades humanas e os elementos sociocultu-rais das Comunidades; e que o conhecimento tradicional envolvido em seus sistemas de pro-dução é preservado, atualizado e transmitido. Apresentamos um estudo1 sobre as variedades crioulas, suas formas de cultivo e criação nas Comunidades Taquaral e Santana, em Orizona e Vianópolis (GO). Ali constatamos a presença de dois grupos de variedades crioulas e a adoção de princípios agroecológicos, como o consorciamento produtivo, a sucessão de cultivos e o uso de corredores agroecológicos no processo produtivo.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFGpt_BR
dc.identifier.doi10.5216/revgeoamb.v0i28.45009-
dc.publisher.departmentRegional de Jataí (RJ)pt_BR
Aparece nas coleções:RJ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Dinalva Donizete Ribeiro- 2017.pdf430,56 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons