Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11222
Tipo do documento: TCC
Título: Influência da avaliação de desempenho na remuneração dos executivos das empresas listadas na BM&FBovespa
Autor: Vitorino, Anna Cristynna Duarte
Primeiro orientador: Silva, Júlio Orestes da
Primeiro membro da banca: Silva, Júlio Orestes da
Ferreira, Celma Duque
Santos, Thaisa Renata dos
Resumo: A fim de manterem-se no mercado as empresas têm buscado meios de aprimorar seus níveis de competitividade, nesse sentido, fatores econômicos levaram ao longo dos anos ao surgimento de grandes corporações, fator este que acentua o distanciamento do detentor de capital e a gestão da organização. Essa condição leva a exposição dessas empresas às dificuldades abordadas pela Teoria da Agência relativas a conflitos de interesses entre os administradores e acionistas. Na busca pelo alinhamento de interesses tem-se o uso de incentivos que se dão, principalmente pelas políticas de remuneração. A remuneração geralmente concebida a partir de avaliações de desempenho desses gestores. Nessa perspectiva, este trabalho analisou a relação entre a avaliação de desempenho e remuneração de executivos das empresas listadas na BM&FBovespa. Para isto, foram coletados dados referentes avaliação de desempenho e remuneração dos executivos das empresas durante o período de 2013. A fim de responder a questão de pesquisa, foram criados três modelos de regressão múltipla para averiguar a relação da avaliação de desempenho (individual, de grupo, da organização, financeiro e não financeiro) com a remuneração total média, com a remuneração variável média e com a proporção da remuneração variável sobre a remuneração total. Os resultados indicaram que: i) a avaliação de desempenho individual, a avaliação de desempenho financeiro, e o tamanho da organização influenciam de maneira positiva tanto a remuneração total, quanto a remuneração variável dos executivos; ii) o número de executivos impactam de maneira negativa a remuneração total e a remuneração variável paga aos executivos; iii) a proporção de remuneração variável sobre a remuneração total é influenciada pela avaliação de desempenho individual e pelo tamanho da empresa de maneira positiva. Conclui-se que a remuneração recebida pelos executivos, tanto a remuneração total, quanto a remuneração variável pode ser impactada pelos itens utilizados na avaliação de desempenho para fornecer incentivos.
Palavras-chave: Remuneração de executivos
Avaliação de desempenho
Incentivos
País: brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas - FACE (RG)
Nome do curso: Ciências Contábeis (RG)
Citação: VITORINO, Anna Cristynna Duarte. Influência da avaliação de desempenho na remuneração dos executivos das empresas listadas na BM&FBovespa. 2016. 43 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11222
Data de publicação: 25-Fev-2016
Aparece nas coleções:FACE - Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCCG - Ciências Contábeis - Anna Cristynna Duarte Vitorino.pdf1,02 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.