Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12237
Tipo do documento: Artigo
Título: Mecanismos de patogenicidade de Campylobacter spp. isoladas em alimentos
Título(s) alternativo(s): Pathogenic mechanisms of Campylobacter spp. isolated in foods
Autor: Feistel, Janaina Costa
Rezende, Cintia Silva Minafra e
Oliveira, Julierme José de
Oliveira, Aline Pedrosa de
Moreira, Natália Menezes
Resumo: Campilobacteriose é uma infecção causada por bactérias do gênero campylobacter spp. As espécies de campylobacter, principalmente as espécies termofílicas, são responsáveis por causarem doenças no homem. A infecção por este microrganismo está associada à ingestão de alimentos contaminados, principalmente carne de frango. A enfermidade nos serem humanos pode apresentar desde diarreia aquosa, moderada e autolimitada até uma disenteria sanguinolenta, com presença de muco e células sanguíneas brancas, podendo ser acompanhada de dores de cabeça e abdominal, febre, indisposição, náusea e vômitos, porém a baixa dose infectante de campylobacter, cerca de 400 a 500 células, é um agravante dessa doença. Em alguns casos, a infecção por campylobacter pode provocar algumas complicações e sequelas a longo prazo, observados após o quadro clássico de campilobacteriose. Estas sequelas compreendem problemas gastrintestinais, reumatológicos (Síndrome de Reiter), pulmonares, dermatológicos, intravasculares, renais, neurológicos e abortos. As informações a respeito dos mecanismos moleculares de virulência de campylobacter deixam claro que este patógeno é capaz de exibir vários mecanismos de virulência, dependendo do hospedeiro. Apesar de ser um microrganismo conhecido como um patógeno frágil, por apresentar características e necessidades de crescimento diferentes da maioria dos outros patógenos, ss espécies de campylobacter são capazes de sobreviver a todo o estresse ambiental da cadeia produtiva dos alimentos e causar doenças no homem. A prevalência de Campilobacteriose em humanos vem aumentando em diversos países, como consequência essa doença se tornou uma preocupação em saúde pública e alvo de estudos pelos órgãos de saúde. Porém, no Brasil ainda não possui uma legislação específica para sua avaliação em alimentos. Devido à importância deste microrganismo, este estudo tem o proposito de apresentar uma revisão bibliográfica sobre o gênero Campylobacter, relatando seus mecanismos de patogenicidade e sua implicação na saúde pública.
Abstract: Campilobacterioses is an infection caused by Campylobacter spp bacteria. The Campylobacter species, mainly the thermophilics cause human diseases. The infection caused by this microorganism is associated with the ingestion of contamined foods, mostly chicken. The disease in human beings cause watery diarrhoea, moderate and self-limited and even leads to bloody dysentery with mucus and white blood cells, furthermore it might be followed by headaches and abdominal pain, fever, ailment, nausea and vomit. However, the low infective Campylobacter dose, around 400 to 500 cells, is even worsening. In some cases, the Campylobacter infection may cause a few noticeable long-term complications along with sequels. These sequels cover gastrointestinal, rheumatologic (Reiter Syndrome), pulmonary, dermatological, intravascular, renal and neurologic problems and even abortions. The information about the Campylobacter molecular virulence mechanisms make clear that this fragile pathogen is able to depict various virulence mechanisms depending on the host, although it is known as a fragile pathogen that presents different growing characteristics and needs. The Campylobacter species are able to survive all environmental stress of the food supply chain and cause people diseases. The high incidence of Campylobacteriose in human beings is increasing in various countries, and as a result this disease has become public health concern and studies. On the other hand, unfortunately Brazil does not own a specific legislation to evaluate food. Due to the importance of this microorganism, this study aims to present a new bibliographic review about Campylobacter genus in order to highlight its pathogenicity mechanisms and its effects in public health.
Palavras-chave: Campylobacter spp.
Campilobacteriose
Patogenicidade
Campilobacterioses
Pathogenicity
País: Brasil
Instituição: Centro Científico Conhecer
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: FEISTEL, Janaina Costa; REZENDE, Cintia Silva Minafra e; OLIVEIRA, Julierme José de; OLIVEIRA, Aline Pedrosa; MOREIRA, Natália Menezes. Mecanismos de patogenicidade de Campylobacter spp. isoladas em alimentos. Enciclopédia Biosfera, Goiânia, v. 9, n. 17, p. 1861-1882, dez. 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12237
Data de publicação: Dez-2013
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Janaina Costa Feistel - 2013.pdf201,22 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons