Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12326
Tipo do documento: Artigo
Título: Descrição de duas técnicas cirúrgicas para castração de fêmeas bovinas e avaliação do pós-operatório
Título(s) alternativo(s): Description of two tecniques for the castration of cows and evaluation of the post operative
Autor: Silva, Luiz Antônio Franco da
Almeida, Cinara Faria
Viana Filho, Paulo Roberto Lucas
Veríssimo, Antônio Carlos Cordeiro
Rabelo, Rogério Elias
Eurides, Duvaldo
Fioravanti, Maria Clorinda Soares
Resumo: Descrição de duas técnicas cirúrgicas de castração de fêmeas bovinas, com análise das complicações pós-operatórias, em que se utilizaram 1.232 animais de diferentes raças e idades, procedentes de várias propriedades rurais do estado de Goiás. Os bovinos foram alocados em três grupos, assim constituídos: grupo I – 436 bezerras, com idade entre oito e 12 meses, castradas via flanco; grupo II – 397 novilhas e vacas, que foram esterilizadas pelo mesmo método do grupo I; grupo III – 399 vacas ovariectomizadas por via vaginal, utilizando-se o emasculador de Chassaignac. Em avaliação das técnicas cirúrgicas, concluiu-se que a castração pelo flanco foi o método de mais fácil execução e que demandou o menor tempo de transoperatório. A análise pelo teste c2 indicou que a cirurgia via vaginal implicou menos complicações pós-operatórias que a via flanco, porém levou a um maior número de óbitos. A castração via flanco é, – portanto, a técnica mais apropriada para a esterilização de fêmeas bovinas.
Abstract: This study aimed to describe two surgical tecniques of cow castration and also to analize the postoperative complications occurred. 1232 bovine from different breeds and ages coming from different rural properties of Goiás State were used in this study. The animals were alloted in three groups as follows: group I consisted of 436 calves from eight to 12 months of age castrated via flank, 397 adult female including cows and calves were part of group II where the numbers of confinements varied and the sterilization followed the same method of group I. Group III was composed of 399 cows in which the access to the ovaries was through the vagina and for the castration the Chassaignac emasculator was employed. The evaluation of the surgical tecniques allowed to conclude that the approach of the ovaries through the flank was the easiest method to be executed and demanded less time for the operation. The analysis by the ?2 test indicated that the surgery through the vagina brought less postoperative complications than the one proceeded through the flank, but it presented a higher number of deaths. Considering the results, it was concluded that the method of castration through the flank was the most appropriated for the sterilization of cows.
Palavras-chave: Ovariectomia
Bovinos
Pós-operatório
Ovariectomy
Bovine
Postoperative
País: Brasil
Instituição: José Henrique Stringhini
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: SILVA, Luiz Antônio Franco da; ALMEIDA, Cinara Faria; VIANA FILHO, Paulo Roberto Lucas; VERÍSSIMO, Antônio Carlos Cordeiro; RABELO, Rogério Elias; EURIDES, Duvaldo; FIORAVANTI, Maria Clorinda Soares. Descrição de duas técnicas cirúrgicas para castração de fêmeas bovinas e avaliação do pós-operatório. Ciência Animal Brasileira, Goiânia, v. 5, n.1, p.47-53, jan./mar. 2004. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/313/281>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12326
Data de publicação: Mar-2004
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Luiz antônio Franco da Silva - 2004.pdf120,46 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons