Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12378
Tipo do documento: Artigo
Título: Perfil bioquímico do soro de frangos de corte alimentados com dieta suplementada com alfa-amilase de Cryptococcus flavus e Aspergillus niger HM2003
Título(s) alternativo(s): Biochemichal serum profile of broilers fed diets suplemented with alfa-amylase from Cryptococcus flavus and Aspergillus niger HM2003
Autor: Minafra, Cibele Silva
Marques, Sonaide Faria Ferreira
Stringhini, José Henrique
Ulhoa, Cirano José
Rezende, Cíntia Silva Minafra e
Santos, Januária Silva
Moraes, George Henrique Kling de
Resumo: Avaliou-se o perfil bioquímico do soro de frangos de corte alimentados com a enzima α-amilase produzida por dois microrganismos. Produziram-se dois extratos, um com α-amilase obtida a partir de Cryptococcus flavus em meio de levedura comercial e outro com Aspergillus niger HM2003 em meio de proteína de soja e amido comercial, com atividade de 9,58 U/mL e 10,0 U/mL, respectivamente. Utilizaram-se 360 pintos de corte Cobb 500 de 1 dia de idade e com 49,72 ± 0,68 g de peso vivo inicial. As aves foram alojadas em baterias e foram criadas até os 21 dias de idade. Foram utilizados três dietas, cada uma com cinco repetições de 12 aves, em delineamento inteiramente casualizado. A primeira dieta (basal) foi formulada sem adição de enzima e as outras duas receberam a suplementação de α-amilase produzida por cultivo de Cryptococcus flavus e Aspergillus niger HM2003. Dietas à base de milho e soja foram formuladas em duas fases: pré-inicial (1-7 dias) e inicial (8-21 dias). Na fase pré-inicial, foram observados os seguintes valores médios para cálcio (6,90 e 5,99 mg/dL), proteína plasmática (2,0 e 2,50 g/dL) e fosfatase alcalina (979,98 e 974,66 UI/L), respectivamente para Cryptococcus flavus e Aspergillus niger HM2003. A dieta acrescida de α-amilase obtida a partir de Aspergillus niger HM2003 determinou maior concentração sérica de fósforo. Na fase inicial, os resultados significativos relacionaram-se a potássio quando avaliadas dietas com adição de α-amilase pelas duas fontes. A incorporação das enzimas testadas não proporciona alterações metabólicas ou toxicidade nos animais.
Palavras-chave: Aspergillus niger HM2003
Cryptococcus flavus
Frangos de corte
Soro
Suplementação enzimática
País: Brasil
Instituição: Sociedade Brasileira de Zootecnia
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: MINAFRA, Cibele Silva; MARQUES, Sonaide Faria Ferreira; STRINGHINI, José Henrique; ULHOA, Cirano José; REZENDE, Cíntia Silva Minafra e; SANTOS, Januária Silva; MORAES, George Henrique Kling de. Perfil bioquímico do soro de frangos de corte alimentados com dieta suplementada com alfa-amilase de Cryptococcus flavus e Aspergillus niger HM2003. Revista Brasileira de Zootecnia, Viçosa, v. 39, n. 12, p. 2691-2696, dez. 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S1516-35982010001200020
Identificador do documento: 10.1590/S1516-35982010001200020
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12378
Data de publicação: Dez-2010
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Cibele Silva Minafra - 2010.pdf48,33 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons