Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/124
Tipo do documento: Artigo publicado em periódico científico
Título: Bicarbonato de sódio e leveduras como aditivos de dietas para vacas leiteiras mestiças
Título(s) alternativo(s): Sodium bicarbonate and yeast as diet additives for crossbred dairy cows
Autor: Carvalho, Eduardo Rodrigues de
Santos, Sandro de Castro
Caetano, Túlio Ferreira
Gouvêa, Vinícius Nunes de
Lima, Milton Luiz Moreira
Fernandes, Juliano José de Resende
Abstract: No Experimento 1, avaliou-se o efeito do aumento do pH da silagem de sorgo pela adição de bicarbonato de sódio (NaHCO3) sobre a produção e composição do leite de vacas mestiças primíparas F1 (½ Holandesa ½ Jersey). A duração desse experimento foi de trinta dias, divididos em dois períodos de quinze dias. Utilizaram-se dois tratamentos: silagem de sorgo com adição de NaHCO3 na proporção de 1,3% (base na MS) e silagem de sorgo sem aditivo. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado em esquema de reversão simples. Fez-se uso de doze vacas agrupadas em dois grupos experimentais de seis animais cada um, que ao início do experimento apresentavam produção média de 15,7 litros de leite/dia ± 2,4 e DEL (dias em lactação) médio de 122 dias ± 60. Procedeu-se à avaliação da produção e da composição do leite do 13º ao 15º dia dos dois períodos experimentais, em quatro ordenhas consecutivas. No Experimento 2, analisou-se a adição de NaHCO3 (2,2% da MS), ou leveduras (20 g/vaca/dia ou 0,2% da MS), ou sua associação a uma mesma dieta (silagem de sorgo + concentrados), oferecida a vacas não lactantes fistuladas no rúmen. Efetuou-se a avaliação do CMS, CMO, CFDN, DRMS e DRFDN (a trinta horas), pH ruminal, Kd e Kt da MS, MO e FDN da digesta ruminal e frações sólida, líquida e total da digesta ruminal. A duração desse experimento foi de 56 dias, divididos em quatro períodos de quatorze dias. Os tratamentos utilizados foram os seguintes: T1 = silagem de sorgo + concentrados; T2 = silagem de sorgo + concentrados + NaHCO3 (2,2% da MS); T3 = silagem de sorgo + concentrados + leveduras (20 g/animal/dia ou 0,2% da MS) e T4 = silagem de sorgo + concentrados + NaHCO3 (2,2% da MS) + leveduras (20 g/animal/dia ou 0,2% da MS). O delineamento experimental empregado foi o Quadrado Latino 4x4. Fez-se uso de quatro vacas não lactantes fistuladas no rúmen sem padrão racial definido. No Experimento 1, não houve diferença (P>0,05) na produção de leite, produção de leite corrigida para 3,5% de gordura, teor e produção de gordura, teor e produção de proteína, teor e produção de lactose e teor e produção de extrato seco total. Concluiu-se que a adição de 1,3% de NaHCO3 à silagem de sorgo (base na MS) não contribuiu para melhorar a produção e composição do leite de vacas mestiças com produção média de 15,7 litros de leite/dia ± 2,4 e DEL médio de 122 dias ± 60. No Experimento 2, não houve efeito da adição de NaHCO3 (2,2% da MS) ou leveduras (20 g/vaca/dia ou 0,2% da MS), comparado à dieta-controle, sobre o CMS, CMO, CFDN, DRMS e DRFDN (30 horas), Kd e Kt da MS, MO e FDN da digesta ruminal, pH do fluido ruminal e frações sólida, líquida e total da digesta ruminal (P>0,05). Da mesma forma, a associação NaHCO3 (2,2% da MS) + leveduras (20 g/vaca/dia ou 0,2% da MS) não proporcionou diferença sobre o CFDN, DRMS e DRFDN (30 horas), Kd e Kt de FDN da digesta ruminal, pH do fluido ruminal e frações sólida, líquida e total da digesta ruminal (P>0,05), comparando-se às dietas com adição de NaHCO3 ou leveduras separadamente. No entanto, houve diferença da associação NaHCO3 + leveduras sobre o CMS, CMO, Kd e Kt da MS e MO da digesta ruminal, comparada às dietas com adição de NaHCO3 ou leveduras em separado (P<0,05). Concluiu-se que a associação NaHCO3 (2,2% da MS) + leveduras (20 g/vaca/dia ou 0,2% da MS) foi superior aos dois aditivos adicionados separadamente, com o aumento no CMS. _______________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT _______________________________________________________________________________________________________________________ The objective in Experiment 1 was to evaluate the effect of the pH rise in sorghum silage through adding NaHCO3 on the milk yield and composition of crossbred primiparous cows (½ Holandesa ½ Jersey). The Experiment lasted 30 days divided in two periods of 15 days. The two treatments were sorghum silage plus 1.3% NaHCO3 (dry matter basis) and sorghum silage without additive. The experimental design was completely randomized in a single crossing-over scheme. Twelve lactating cows were assigned in two groups of six animals each, with average production of 15.7 liters/day ± 2.4 and 122 days ± 60 days in milking. The milk yield and composition were evaluated from the 13th to 15th days of each experimental period in four consecutive milkings. The objective in Experiment 2 was to study the addition of 2.2% NaHCO3 (dry matter basis), or yeast (20 g/cow/day or 0.2% dry matter basis) or the association of both in the same diet (sorghum silage + concentrates) offered to rumen cannulated dry cows. The following parameters were evaluated: dry matter intake, organic matter intake, NDF intake, dry matter in situ degradability, NDF in situ degradability (both at 30 hours), rumen pH, ruminal digesta dry matter, organic matter and NDF disappearance (Kd), ruminal digesta dry matter, organic matter and NDF turnover (Kt) and solid, liquid and total ruminal digesta. The Experiment lasted 56 days divided in four periods of 14 days. The treatments were the following: T1 = sorghum silage + concentrates; T2 = sorghum silage + concentrates + NaHCO3 (2.2% dry matter basis), T3 = sorghum silage + concentrates + yeast (20 g/cow/day or 0.2% dry matter basis) and T4 = sorghum silage + concentrates + NaHCO3 (2.2% dry matter basis) + yeast (20 g/cow/day or 0.2% dry matter basis). The experimental design was a 4x4 Latin Square and four crossbred rumen cannulated dry cows were utilized. In Experiment 1, there was no difference (P>0.05) on the milk yield, 3.5% fat corrected milk yield, milk fat content and production, protein content and production, lactose content and production and total solids content and production. It was concluded that the addition of 1.3% NaHCO3 (dry matter basis) in sorghum silage did not contribute to improve both milk production and composition of crossbred cows with average production of 15.7 liters/day ± 2.4 and 122 days ± 60 days in milking. In Experiment 2, there was no effect of the addition of NaHCO3 (2.2% dry matter basis) or yeast (20 g/cow/day or 0.2% dry matter basis) on the dry matter intake, organic matter intake, NDF intake, dry matter in situ degradability, NDF in situ degradability (both at 30 hours), ruminal digesta dry matter, organic matter and NDF disappearance rates (Kd), ruminal digesta dry matter, organic matter and NDF turnovers (Kt), rumen pH, and solid, liquid and total ruminal digesta fractions (P>0.05), compared to the control diet. Likewise, the association NaHCO3 (2.2% dry matter basis) + yeast (20 g/cow/day or 0.2% dry matter basis) did not have effect on the NDF intake, dry matter in situ degradability, NDF in situ degradability (both at 30 hours), ruminal digesta NDF Kd and Kt, rumen pH, and solid, liquid and total ruminal digesta fractions (P>0.05), compared to the diets with addition of NaHCO3 or yeast separately. On the other hand, there was difference of the association NaHCO3 + yeast on the dry matter intake, organic matter intake and ruminal digesta dry matter and organic matter Kd and Kt, compared to the diets with addition of NaHCO3 or yeast separately (P<0.05). It was concluded that the association NaHCO3 (2.2% dry matter basis) + yeast (20 g/cow/day or 0.2% dry matter basis) was superior to each additive added separately due to increase on dry matter intake.
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: CARVALHO, Eduardo Rodrigues de; SANTOS, Sandro de Castro; CAETANO, Túlio Ferreira; GOUVÊA, Vinícius Nunes de; LIMA, Milton Luiz Moreira; FERNANDES, Juliano José de Resende. Bicarbonato de sódio e leveduras como aditivos de dietas para vacas leiteiras mestiças. Ciência Animal Brasileira, Goiânia, v. 10, n. 2, 2009. Disponível em: <http://www.revistas.ufg.br/index.php/vet/article/view/4789/4840>.
Tipo de acesso: Open Access
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/124
Data de publicação: 2009
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
bicarbonato.pdf680,69 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons