Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12404
Tipo do documento: Artigo
Título: Processamento do grão de aveia para alimentação de vacas de descarte terminadas em confinamento
Título(s) alternativo(s): Processing oats grain for cull cows finished in feedlot
Autor: Restle, João
Faturi, Cristian
Pascoal, Leonir Luis
Rosa, Joilmaro Rodrigo Pereira
Brondani, Ivan Luiz
Alves Filho, Dari Celestino
Resumo: Foi estudado o efeito do processamento do grão de aveia-preta sobre o desempenho de vacas de descarte em confinamento. As vacas foram alimentadas com 60% de silagem de milho e 40% de concentrado, composto por grãos de aveia-preta, ureia, calcário calcítico e cloreto de sódio. A forma como se forneceram os grãos aos animais representaram os tratamentos, ou seja, Tratamento 1 com grãos de aveia fornecidos inteiros, Tratamento 2 com 50% dos grãos fornecidos moídos, e Tratamento 3 com 100% dos grãos fornecidos moídos. Os dados foram submetidos à análise de regressão polinomial a 5% de significância. A moagem da aveia não influenciou o consumo dos animais, que apresentaram consumo de 10,563 kg/dia, ou 2,2% quando ajustado para peso vivo e 102,94 g por unidade de tamanho metabólico. O ganho de peso apresentou comportamento linear com a substituição do grão inteiro por grão moído (Y=0,79976+0,0033X), influenciando diretamente a conversão alimentar, que apresentou comportamento linear decrescente (Y=13,21155-0,04021X). Os valores médios de ganho de peso foram de 0,799, 0,967 e 1,129 kg/animal/dia e de conversão alimentar de 13,203, 11,217 e 9,182, respectivamente. A espessura de gordura subcutânea aumentou linearmente com o aumento da inclusão da aveia moída na dieta. O melhor aproveitamento dos grãos moídos conferiu aos animais maior aporte de energia digestível, resultando em maior ganho de peso e peso de abate, fatores que explicam a maior deposição de gordura.
Abstract: The processing of oats grain (entire or grounded) on the performance of feedlot finished cull cows was studied. Cows were fed with 60% of corn silage and 40% of concentrate, composed by oats grain, urea, limestone and salt. The treatments were Treatment 1 with whole oats grain, Treatment 2 with 50% grounded grain, e Treatment 3 with 100% grounded grain. The data were analyzed by regression. Grinding did not affect dry matter intake, being the average values 10.563 kg/animal/day, 2.2% when expressed per 100 kg of live weight and 102.94 g when expressed per metabolic weight. Average daily weight gain increased linearly with the inclusion of grounded oats in the diet (Y=.79976+.0033X), while feed conversion declined linearly (Y=13.21155-.04021X). Subcutaneous fat thickness increased lenarly with the increase of grounded oats in the diet. The better use of the grounded oats resulted in higher weight gain and slaughter weight, which explains the higher fat deposition of cows fed with grounded oats.
Palavras-chave: Consumo
Conversão alimentar
Ganho de peso
Feed conversion
Intake
Weight gain
País: Brasil
Instituição: José Henrique Stringhini
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: RESTLE, João; FATURI, Cristian; PASCOAL, Leonir Luis; ROSA, Joilmaro Rodrigo Pereira; BRONDANI, Ivan Luiz; ALVES FILHO, Dari Celestino. Processamento do grão de aveia para alimentação de vacas de descarte terminadas em confinamento. Ciência Animal Brasileira, Goiânia, v. 10, n. 2, p. 496-503, abr./jun. 2009. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/vet/article/view/3877/4838>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12404
Data de publicação: Jun-2009
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - João Restle - 2009.pdf440,96 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons