Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13344
Tipo do documento: Artigo
Título: Isolamento e identificação da microbiota periodontal de cães da raça Pastor Alemão
Título(s) alternativo(s): Isolate and identify of periodontal microbiota of German Shepherd dogs
Autor: Braga, Carla Afonso da Silva Bitencourt
Resende, Cleusa Maria Faria
Pestana, Ana Cristina Nogueira Rodrigues
Carmo, Luiz Semeão
Costa, José Eustáquio
Silva, Luiz Antonio Franco
Assis, Lílian Nery de
Lima, Larissa de Assis
Farias, Luiz Macedo
Carvalho, Maria Auxiliadora Roque
Resumo: Microbiota indígena gengival de cães não está totalmente descrita, sendo sua identificação uma etapa importante no estabelecimento da etiopatogenia e terapia da doença periodontal. O objetivo deste trabalho foi isolar e identificar a microbiota periodontal de cães da raça Pastor Alemão, considerando sítios saudáveis e com doença periodontal. Foram utilizados 29 cães, com idade variando de três a seis anos, sendo analisados espécimes clínicos de sítios periodontais saudáveis de 12 cães e sítios com periodontite de outros 17. Foram isoladas 672 amostras microbianas, com predomínio dos gêneros Pasteurella, Staphylococcus, Porphyromonas e Fusobacterium. A microbiota dos sítios saudáveis equiparou-se à dos sítios doentes, tratando-se de uma microbiota indígena. A microbiota dos sítios doentes apresentou-se aumentada em relação a dos sítios saudáveis, indicando mudança do ambiente do sítio periodontal.
Abstract: The indigenous gingival microbiota of dogs is not totally described, although such identification is an important step to establish the etiopathogenesis and adequate therapy for the periodontal disease. The aims of this study were to isolate and identify the periodontal microbiota of German Shepherd dogs from healthy and with periodontal desease sites. Twenty nine German Shepherd dogs from three to six years of age were used in this study. Clinical specimens were analysed from healthy periodontal sites of 12 dogs and sites presenting gingivitis of 17 dogs. A total amount of 672 microbial samples, were isolated where the predominant genera were Pasteurella spp., Staphylococcus spp., Porphyromonas spp. and Fusobacterium spp. The microbiological population of the affected sites was similar to the healthy sites, consisting on an indigenous microbiota. The microbiota on the affecteded sites was higher in number than on the healthy sites, showing change in the environment of the periodontal sites.
Palavras-chave: Doença periodontal
Cães
Microbiota
Periodontal disease
Dogs
País: Brasil
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: BRAGA, Carla Afonso da Silva Bitencourt; RESENDE, Cleusa Maria Faria; PESTANA, Ana Cristina Nogueira Rodrigues; CARMO, Luiz Semeão; COSTA, José Eustáquio; SILVA, Luiz Antonio Franco; ASSIS, Lílian Nery de; LIMA, Larissa de Assis; FARIAS, Luiz Macedo; CARVALHO, Maria Auxiliadora Roque. Isolamento e identificação da microbiota periodontal de cães da raça Pastor Alemão. Ciência Rural, Santa Maria, v. 35, n. 2, p. 385-390, mar./abr. 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0103-84782005000200022
Identificador do documento: 10.1590/S0103-84782005000200022
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13344
Data de publicação: Abr-2005
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Carla Afonso da Silva Bitencourt Braga - 2005.pdf52,34 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons