Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13597
Tipo do documento: Artigo
Título: Participação e empoderamento: princípios para a conservação de recursos zoogenéticos on farm
Título(s) alternativo(s): Participation and empowerment: guidelines for on farm livestock conservation
Autor: Silva, Marcelo Corrêa da
Lopes, Fernando Brito
Paulini, Fernanda
Fioravanti, Maria Clorinda Soares
McManus, Concepta Margaret
Félix, Gisele Aparecida
Sereno, José Robson Bezerra
Resumo: Objetivou-se neste artigo apresentar um marco teórico que possa subsidiar projetos de conservação de recursos zoogenéticos on farm (COF), destacando-se a necessidade de conduzir as atividades com maior interação e diálogo com os produtores de raças locais. A participação é discutida como um mecanismo que assegura maior repercussão e sustentabilidade das ações conservacionistas, por permitir o redirecionamento conjunto das atividades (técnicos e criadores) assim como a detecção de prioridades e particularidades de cada situação. Em paralelo, o conceito de empoderamento é ressaltado no tocante à familiaridade dos criadores acerca de direitos e deveres e o poder de protagonismo que possuem. Enfatiza-se a participação e o empoderamento como diretrizes para programas governamentais, equipes de pesquisa e agentes de desenvolvimento que trabalham com COF, ressaltando que as interações deverão ser democráticas e ajustadas em prol da conservação da biodiversidade animal e do desenvolvimento rural sustentável.
Abstract: This paper is an attempt to present theoretical support for on farm livestock conservation. We discuss this relevant strategy of in situ conservation focusing on domestic herds raised and owned by farmers and focusing on governmental attempts for partnerships and policies to conserve and rare the future promising genetic resources. However, more than an attempt to maintain a living gene bank, on farm conservation is a potential method to improve chances of social and productive inclusion in rural areas. This is more likely to work out if an interactive and dialectic approach is adopted. Participation and empowerment are discussed in this paper as mechanisms that may help to insure fair and more sustainable actions, help the establishment of priorities and allow representative planning and diagnosis. Besides this, the adoption of such concepts may enquire farmers in a more protagonist and favorable circumstance. The concepts of participation and empowerment are designated as important guidelines to settle a democratic, friendlier and more intelligent approach for on farm livestock conservation in terms of animal biodiversity maintenance and sustainable rural development.
Palavras-chave: Conservação in situ
Desenvolvimento rural
Raça local
In situ conservation
Local breed
Rural development
País: Espanha
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: SILVA, M. C; LOPES, F. B.; PAULINI, F.; FIORAVANTI, M. C. S.; McMANUS, C. M.; FELIX, G. A.; SERENO, J. R. B. Participação e empoderamento: princípios para a conservação de recursos zoogenéticos on farm. Archivos de Zootecnia, Córdoba, v. 62, p. 93-104, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13597
Data de publicação: 2013
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Marcelo Corrêa da Silva - 2013.pdf953,12 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons