Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13603
Tipo do documento: Artigo
Título: Crystal-associated cholangiopathy in sheep grazing Brachiaria decumbens containing the saponin protodioscin
Título(s) alternativo(s): Colangiopatia associada a cristais em ovinos alimentados com Brachiaria decumbens que contém a saponina protodioscina
Autor: Brum, Karine Bonucielli
Haraguchi, Mitsue
Lemos, Ricardo Antônio Amaral de
Riet-Correa, Franklin
Fioravanti, Maria Clorinda Soares
Resumo: Um surto de fotossensibilização hepatógena é descrito em um rebanho de 28 ovinos mantidos em pastagem de Brachiaria decumbens no Estado de Mato Grosso do Sul, região Centro-Oeste do Brasil. Sete cordeiros e uma ovelha adulta foram afetados e seis deles morreram. Dois cordeiros com sinais clínicos e um cordeiro, aparentemente sem sinais clínicos, apresentaram elevação na atividade sérica de gama glutamiltransferase, e nos valores de bilirrubina e colesterol. Em dois animais adultos que não apresentavam sinais clínicos, esses parâmetros estavam dentro dos valores normais. Uma ovelha adulta submetida à necropsia apresentou moderada condição corporal, opacidade de córnea unilateral, focinho ressecado,moderada icterícia, padrão lobular hepático evidente e vesícula biliar acentuadamente distendida e repleta. As lesões histológicas consistiram de degeneração epitelial, necrose e hiperplasia de ductos biliares. Havia discreta quantidade de macrófagos espumosos, principalmente na região centroacinar, e tumefação e vacuolização difusas dos hepatócitos. Foram observadas imagens negativas de cristais dentro dos ductos biliares, macrófagos espumosos e lúmen de alguns túbulos renais. O coração apresentou áreas multifocais de degeneração e necrose de fibras musculares. Amostras da pastagem (B. decumbens) apresentaram 2,36% de protodioscina e nenhum esporo de Pithomyces chartarum foi encontrado na pastagem. Amostras de uma pastagem vizinha semelhante (B. decumbens), que havia sido pastejada por bovinos que não desenvolveram fotossensibilização, apresentaram 1,63% de protodioscina. Surtos de fotossensibilização causados por espécies de Brachiaria são comuns em bovinos no Cerrado brasileiro onde há aproximadamente 51 milhões de hectares plantados com essa gramínea. A criação de ovinos nesta região ganhou recente impulso e o número de ovinos vem aumentando significativamente. Como os ovinos são mais suscetíveis que os bovinos à intoxicação pelas saponinas litogênicas presentes nas espécies de Brachiaria spp, isso deve se constituir um fator importante para a criação de ovinos nessa região.
Abstract: Brachiaria decumbens in Mato Grosso do Sul State, Central-Western Brazil. Seven lambs and an adult sheep were affected and 6 of them died. Two surviving affected lambs and one lamb without clinical signs had increased serum values of gamma glutamyltransferase, bilirubin, and cholesterol. In two adult unaffected sheep those parameters were within normal values. An adult sheep submitted to necropsy presented moderate body condition, unilateral corneal opacity, drying of the muzzle, moderate jaundice, increased lobular pattern of the liver, and a distended gallbladder. Histological lesions were epithelial degeneration, necrosis, and hyperplasia of small bile ducts. Mild amounts of foamy macrophages were observed, mainly in the centroacinar zone. Diffuse swelling and vacuolation were observed in hepatocytes. Crystal negative images were found within bile ducts, foamy macrophages, and the lumen of some renal tubules. The heart showed multifocal areas of degeneration and necrosis of the muscle fibers. Pasture samples (Brachiaria decumbens) contained 2.36% of protodioscin. No Pithomyces chartarum spores were found in the pasture. Samples from a similar neighboring B. decumbens pasture grazed by cattle without photosensitization contained 1.63% of protodioscin isomers. Outbreaks of photosensitization caused by Brachiaria spp. are common in cattle in the Brazilian Cerrado (savanna) with about 51 million hectares of Brachiaria spp pastures. Sheep farming has been recently developed in this region, and the number of sheep is increasing significantly. Because sheep are more susceptible than cattle to lithogenic saponins, poisoning by Brachiaria should be an important limiting factor for the sheep industry.
Palavras-chave: Sheep
Photosensitization
Brachiaria decumbens
Protodioscin
Steroidal saponin
Cholangiopathy
Ovinos
Fotossensibilização
Brachiaria decumbens
Protodioscina
Saponina esteroidal
Colangiopatia
País: Brasil
Unidade acadêmica: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Citação: BRUM, Karine B.; HARAGUCHI, Mitsue; LEMOS, Ricardo A. A.; RIET-CORREA, Franklin; FIORAVANTI, Maria Clorinda S. Crystal-associated cholangiopathy in sheep grazing Brachiaria decumbens containing the saponin protodioscin. Pesquisa Veterinária Brasileira, Rio de Janeiro, v. 27, n. 1, p. 39-42, Jan. 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0100-736X2007000100007
Identificador do documento: 10.1590/S0100-736X2007000100007
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13603
Data de publicação: Jan-2007
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Karine Bonucielli Brum - 2007.pdf661,89 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons