Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16308
Tipo do documento: Artigo
Título: Seasonal influence on essential oil variability of Eugenia dysenterica
Autor: Duarte, Alessandra Rodrigues
Naves, Ronaldo Veloso
Santos, Suzana da Costa
Seraphin, Jose Carlos
Ferri, Pedro Henrique
Resumo: A composição química dos óleos essenciais em populações cultivadas de Eugenia dysenterica, originadas de sementes obtidas de dois diferentes sítios de amostragem, e coletadas durante o verão e o inverno, indicou a presença de dois tipos de óleos, de acordo com a origem das sementes e da estação do ano. O grupo I incluiu somente as amostras oriundas de sementes de Senador Canedo (SC), sejam as coletadas no inverno (subgrupo IA) e caracterizadas pela percentagem elevada de β-pineno (6,6-14%), α-pineno (5,9-13%) e (Z)-β-ocimeno (0-13%), ou aquelas amostras coletadas principalmente no verão (subgrupo IB) e caracterizadas pela percentagem elevada de γ-cadineno (0-33%), limoneno (1,2-28%) e β-pineno (3,2-23%). O grupo II incluiu todas as amostras cultivadas a partir de sementes originadas de Campo Alegre de Goiás (CA), independentemente da estação do ano, cujos constituintes majoritários foram β-cariofileno (15-74%), δ-cadineno (0-24%) e α-copaeno (0-14%). A correlação canônica entre as populações e as estações do ano revelou que α-pineno, (Z)-β-ocimeno, (E)-β-ocimeno e γ-cadineno apresentaram uma forte correlação com o inverno frio e seco (subgrupo IA), enquanto β-cariofileno, temperatura e precipitação médias mensais foram relacionados às amostras originadas de sementes de CA coletadas durante o verão quente e úmido (grupo II). Os hidrocarbonetos sesquiterpênicos predominaram em todas as populações analisadas e a variação química nos óleos essenciais parece ser determinada geneticamente pela origem da semente, em adição a uma nítida influência sazonal somente sobre aquelas provenientes de SC.
Abstract: The chemical composition of the essential oils of cultivated Eugenia dysenterica populations, which originated from seeds obtained from two different sites and harvested during summer and winter, have indicated the presence of two oil clusters related to seed origin and season. Cluster I included only samples which originated from seeds from Senador Canedo (SC) collected during winter (subcluster IA) and with high percentages of β-pinene (6.6-14%), α-pinene (5.9-13%), and (Z)-β-ocimene (0-13%), or samples collected mainly in the summer (subcluster IB) and characterized by high contents of γ-cadinene (0-33%), limonene (1.2-28%), and β-pinene (3.2-23%). Cluster II included all the samples cultivated from seeds originating from Campo Alegre de Goiás (CA) regardless of the season, which were characterized by high amounts of β-caryophyllene (15-74%), δ-cadinene (0-24%), and α-copaene (0-14%). The canonical correlation between populations and seasons revealed that α-pinene, (Z)-β-ocimene, (E)-β-ocimene, and γ-cadinene present a strong correlation with the cold and dry winter (subcluster IA), whereas β-caryophyllene, temperature, and precipitation were related to samples from CA seed origin during the hot and humid summer (cluster II). Sesquiterpene hydrocarbons predominated in all the sampled populations and the observed essential oil chemovariation might be genetically determined by seed origin, in addition to a clear seasonal influence shown only in the samples from SC seeds.
Palavras-chave: Eugenia dysenterica
Myrtaceae
Essential oil
Chemical variability
Multivariate analysis
Seasonal influence
País: Brasil
Unidade acadêmica: Instituto de Química - IQ (RG)
Citação: DUARTE, Alessandra R. et al. Seasonal influence on essential oil variability of Eugenia dysenterica. Journal of the Brazilian Chemical Society, Campinas, v. 20, n. 5, p. 967-974, Apr. 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S0103-50532009000500023
Identificador do documento: 10.1590/S0103-50532009000500023
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/16308
Data de publicação: Abr-2009
Aparece nas coleções:IQ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Alessandra Rodrigues Duarte - 2009.pdf497,6 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons